Vamos fechar 30 minutos para não fechar para sempre

Por Valter Orsi

Parece que a política brasileira sempre consegue piorar. Um exemplo foi o que aconteceu na semana passada. Para conseguir foro privilegiado, e fugir de uma possível prisão preventiva que poderia ser decretada pelo juiz Sergio Moro, o ex-presidente Lula aceitou ser ministro da Casa Civil, convidado pela presidente Dilma. Pouco depois começaram a ser divulgadas as escutas telefônicas feitas com autorização da Justiça e que mostraram claramente que houve um conluio do governo e dirigentes do PT para proteger Lula. Pois bem, estas informações provocaram protestos em todo o País.

Em várias regiões, partidos e eleitores ingressaram com ações nos tribunais para suspender a posse de Lula. Na noite de sexta-feira, o ministro do Supremo Tribunal Federal, Gilmar Mendes, decidiu, em caráter liminar, suspender a posse. O julgamento do caso vai acontecer no dia 30.

O fato é que ninguém aguenta mais esta situação de insegurança econômica, jurídica e política. E é por isto que amanhã nós faremos um protesto em Londrina. Nós do Sindimetal, da Associação Comercial e Industrial de Londrina, do Sescap, Sociedade Rural, Sinduscon e outras 15 entidades propusemos que as empresas fechem as portas por 30 minutos. “Fechar por 30 minutos para não fechar para sempre”.

Também assinamos uma carta em apoio ao trabalho realizado pelos juízes e promotores da Operação Lava a Jato, em especial ao juiz Sérgio Moro, que estão desnudado os esquemas de corrupção no Brasil como nunca antes foi feito.

Faremos uma caminhada na Rua Sergipe, colocaremos faixas negras, representando o luto que estamos sentindo hoje pelos desmandos que estão acontecendo.

A verdade é que a maior parte da crise econômica que passamos hoje é gerada pela crise política. O governo não tem rumo, não sabe como sair deste buraco que colocou todos nós e, pior, não tem credibilidade política para propor qualquer solução. Por isso, sim, estamos apoiando o impeachment da presidente Dilma.

Estamos convidando todos os empresários a participarem da manifestação. Será nesta terça, às 10h na Rua Sergipe.

VALTER ORSI
Presidente do Sindimetal Londrina

5 comentários em “Vamos fechar 30 minutos para não fechar para sempre

  • 21/03/2016, 15:42 em 15:42
    Permalink

    Tem turco que tá fechando a loja para não pagar mais impostos depois que o Luis Abi saíram com ele de circulação,a nova modalidade é derrubar o barraco e fazer estacionamentos,ai dá pra sonegar a vontade.
    Quanto a fechar lojas,que atitude burra e grotesca,o Universo vai se dar conta de que fecharam rsrsrsrs

    Resposta
  • 21/03/2016, 20:26 em 20:26
    Permalink

    Esses tucanos golpistas deviam saber uma regrinha básica pra não perder dinheiro: misturar comércio com política é mau negócio. Enquanto as lojas perdem metade do dia (que consumidor vai ao centro sabendo que as lojas vão fechar suas portas?), os shoppings agradecem. E mais um motivo pra gente comprar na internet, sr. Orsi. KKKKKKKK

    Resposta
  • 21/03/2016, 21:28 em 21:28
    Permalink

    A Acil ouviu a opinião de todos os comerciantes ou só de seus associados ricos? Essa manifestação seria mais inteligente se fosse marcada para as 18 horas. Como foram as manifestações dos contra impeachment na 6a. feira.

    Resposta
  • 22/03/2016, 09:14 em 09:14
    Permalink

    O Sr. Valter Orsi é um fanfarráo, que fica defendendo os amigos tucanos. Bem diferente do Pés Vermelhos. Afinal, o Kireeff tá resolvendo as broncas dos brimos. E o MP/Gaeco, aonde está seu impeto combativo? Azar é do comerciante que ficar meia hora parado. E ainda ficam com esse converseiro fiado de acabar com feriados. Eitá Brasil.

    Resposta
  • 22/03/2016, 11:26 em 11:26
    Permalink

    E é bom o sr. Orsi mandar uns pitbulls se recolherem. No centro da cidade, passou um motoqueiro mandando aos berros os lojistas fecharem as portas. A Acil pode adorar regimes totalitários, o povo não. Golpe não. Democracia sim.

    Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: