Bebianno coloca Bolsonaro e filhos na alça de mira: “Só contei 3% do que sei”

Da Época

O ex-ministro e braço direito de Jair Bolsonaro durante a eleição Gustavo Bebianno não gostou de ver um dos filhos do capitão, Eduardo Bolsonaro , chamá-lo de desleal.

Disse Bebianno :

“Só contei 3% do que eu sei. Meu objetivo não é destruir o governo, mas sim proteger o Brasil e sua democracia.  Estou de olho o tempo todo no governo e na família Bolsonaro. Quero que o presidente pare de gerar crises, administre o país da melhor forma possível e conclua o seu mandato. É hora de os ânimos arrefecerem, em benefício do povo brasileiro. Não obstante, percebendo a existência de algo capaz de comprometer a nossa democracia, agirei”.

Aras pede que Toffoli revogue acesso a 600 mil relatórios sigilosos

Foto: Rosinei Coutinho / STF

da Agência Brasil

O procurador-geral da República, Augusto Aras, pediu nesta sexta-feira (15) ao presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Dias Toffoli, que revogue a decisão que determina o envio de todos os Relatórios de Inteligência Financeira (RIF) e das Representações Fiscais para Fins Penais (RFFP) emitidos pelo Conselho de Controle de Atividades Financeiras, o antigo Coaf e atual Unidade de Inteligência Financeira (UIF), nos últimos três anos. (mais…)

, , ,

Cinturão Verde em risco em Cianorte

da Assessoria

A Prefeitura de Cianorte e o IAP – Instituto Ambiental do Paraná são acusados de ‘dano ambiental’ ao Parque Municipal do Cinturão Verde de Cianorte. Um Mandado de Segurança impetrado pela jornalista, professora universitária e ambientalista Aida Franco de Lima, foi protocolado na tarde de terça-feira, 12 de novembro, em Cianorte, Paraná. (mais…)

PSL e a debandada

do Contraponto

Dos três deputados federais paranaenses eleitos pelo PSL nas eleições de 2018, apenas Felipe Francischini ficará no partido. O parlamentar presidente, atualmente, a Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara dos Deputados. (mais…)

MP que revoga obrigatoriedade de registro profissional para Jornalista é inaceitável, diz Rodrigo Maia

Da Fenaj

Após pressão da Federação Nacional dos Jornalistas (FENAJ) e Sindicatos de Jornalistas em todo o Brasil, o deputado federal Rodrigo Maia (DEM), presidente da Câmara dos Deputados, se pronunciou sobre à Medida Provisória (MP), que entre outras alterações na lei trabalhista, acaba com a obrigatoriedade de registro profissional para jornalistas e mais 13 profissões regulamentadas. (mais…)

Londrinenses faturam R$ 10 mil em maratona hacker em SP

O premiação é referente a classificação para próxima fase do desafio. R$70 mil ainda estão em disputa com outras duas equipes da capital

No último final de semana um time de cinco londrinenses venceu a primeira etapa da “Radartona”, um concurso de projetos que tem por objetivo disponibilizar o acesso a base de dados dos equipamentos de fiscalização automática de trânsito (radares). A cidade de São Paulo dispõe de aproximadamente 900 radares, utilizados para o monitoramento do tráfego de veículos, estes equipamentos são utilizados para fiscalizar infrações de trânsito, mas existe um potencial ainda inexplorado, em especial voltado à soluções que promovam a melhoria das políticas de mobilidade urbana e de segurança no trânsito. (mais…)

, , , , ,

Projeto Achados Literários espalha mil livros no feriado de sexta

Os exemplares serão distribuídos em locais públicos da cidade; iniciativa é da Vila Cultural Cemitério de Automóveis, patrocinada pelo PROMIC

Por  Renan Oliveira /N.Com

Foto: Divulgação

Diversos livros novos estarão à espera de leitores para adotá-los, espalhados em diferentes locais públicos de Londrina, nesta sexta-feira (15), feriado da Proclamação da República. A ação cultural é parte do projeto Achados Literários, que propõe o encontro inesperado e repentino da população com livros no espaço urbano.

(mais…)

Colher de Chá: Diogo Burka na Concha

A apresentação de Diogo Burka acontecerá no dia 23 de novembro, às 17h, na Concha Acústica de Londrina. O evento é aberto ao público e gratuito. A atração faz parte da abertura do SESI MÚSICA 2019, edição especial que celebra o mês da consciência negra com uma mistura dançante e festiva.  (mais…)

Ladeira abaixo

do Zé Beto/Do Analista dos Planaltos

Conforme previsto em nota aqui no blog em 12 de setembro, a Copel Telecom teve prejuízo no terceiro trimestre. Foi de R$ 75,9 milhões, bem maior do que se imaginava. Fica a certeza que não será possível recuperação no quarto trimestre. A estatal fechará o ano com prejuízo pela primeira vez em sua história.

Deputados que seguirem Bolsonaro para outro partido podem perder mandato

foto José Cruz/Agência Brasil

Pelo menos 20 deputados federais do PSL já demonstraram interesse em seguir Jair Bolsonaro, o presidente, para o partido que ele está criando. Porém, correm o risco claro de perderem o mandato

Antes, a lei previa a migração de partido para um novo sem perda de mandato. Uma resolução de 2015, contudo, passou a não considerar como justa causa a mudança para a criação de uma nova sigla. (mais…)

Negros e pardos já são maioria nas universidades públicas

do Estadão

Pela primeira vez, os estudantes negros (pretos ou pardos) passaram em 2018 a ser maioria dos inscritos nas instituições de ensino superior da rede pública do País – 50,3%. O dado consta do estudo Desigualdades Sociais por Cor ou Raça, divulgado nesta quarta-feira, 13, pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). (leia mais)

E a avenida inteligente prometida pela Sercomtel?

Em 2016 a Sercomtel prometia a Avenida Inteligente. (leia mais aqui)

Alguém sabe se já está funcionando?

Hugo Simas: 58 anos depois

por José Antonio Pedriali

Novembro de 1961.
O mundo está estarrecido com a construção do Muro de Berlim e o Brasil apreensivo com a posse de João Goulart na presidência da República por causa da renúncia de Jânio Quadros.
Vivia-se o auge da Guerra Fria, a disputa geopolítica e ideológica, travada pelos Estados Unidos e União Soviética. No Brasil, esse duelo convulsionava corações e mentes e agitava os quartéis.
No Colégio Hugo Simas, o mais tradicional de Londrina, uma multidão, instigada pelo vigário da catedral, tentou impedir a palestra da Francisco Julião. Líder das Ligas Camponesas, Julião pedia melhores condições de trabalho aos empregados das lavouras de cana de Pernambuco e a reforma agrária. A tentativa foi repelida no muque por um grupo de estudantes de Direito liderados por Délio César, que viria a se destacar no jornalismo, e pelo marmorista e poeta Mário José Romagnolli, que, agredido – cinquentenário, míope e magro como uma bengala -, disparou para o alto seu Smith & Wesson .32. Romagnolli divergia de Julião, mas considerava que ele tinha o direito de expor suas ideias.

Novembro de 2019.
Insuflada por uma mãe que se apresenta como “cristã e conservadora”, uma multidão de internautas se rebela contra a direção do Colégio Hugo Simas por causa da exibição da peça “Quando Quebra Queima”.
A peça, que já correu o Brasil e outros países, faz parte da programação do Festival Internacional de Teatro de Londrina – fundado por Délio César -, tem indicação etária de dez anos e sua exibição foi autorizada pelo Núcleo Regional de Ensino. Retrata a rebelião dos estudantes secundaristas de São Paulo contra o projeto do então governador Geraldo Alckmin de fechar 100 escolas. A rebelião durou semanas, irradiou-se Brasil afora e forçou o governador a recuar.
A mãe “cristã e conservadora” fez seu protesto baseado no depoimento da filha, que se escandalizou com as cenas de resistência à Polícia Militar, usada sem piedade contra os estudantes paulistas, diversidade racial e sexual. Pelo relato da mãe, deduz-se que a filha não entendeu a mensagem da peça e que a mãe não se deu ao trabalho de pesquisar seu conteúdo. O Youtube exibe documentário sobre a peça e algumas passagens. Era só acessá-lo. (mais…)

Síndrome do trono

O repórter Walter Nunes revelou na Folha de S.Paulo que Lula deixou mala e objetos pessoais para trás, na sala-cela, e desceu para o abraço e liberdade. Um assessor pegará tudo hoje. Para quem se acostumou a passar 8 anos por portas sem tocar na maçaneta, isso é o resultado da síndrome do “tenho gente pra isso”.

http://www.osul.com.br/colunistas/leandro-mazzini/

Namorada de Lula deixa emprego na Itaipu

do Contraponto

Rosângela da Silva, conhecida pelo apelido de Janja, é namorada do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Socióloga, 52 anos, ela vai deixar o emprego na Itaipu Binacional para morar com Lula. Janja está na empresa desde2005 e ganha R$ 20 mil por mês. (mais…)