E deu Athletico mais uma vez. Campeão do Paraná

do twitter do CAP

Por: Guilherme Bernardi/VEC

Quem olhasse as campanhas dos dois clubes e, principalmente, o desempenho no segundo turno, poderia achar que o Athletico-PR atropelaria o Toledo e se sagraria campeão. O Toledo fez campanha, no geral, de clube rebaixado e só não caiu porque conquistou o primeiro turno. O CAP, do outro lado, fez a primeira metade do campeonato abaixo do esperado, mas engrenou na segunda, fez a melhor campanha, muitos gols e goleadas (com direito a um 8 a 2 contra o então recém-campeão Toledo na abertura do segundo turno). Um time em baixa e o outro em alta. A final, entretanto, foi menos previsível do que parecia que seria. (leia mais)

Exclusivo para o VEC: Da seleção de Taekwondo para a política

Fernando Madureira, ex-técnico da Seleção Brasileira de Taekwondo, decidiu fazer mais, fazer o esporte ser acessível à população. Por isso, entrou para a política. Tem o lado bom e o lado ruim. É o que ele fala nesta entrevista exclusiva ao VEC. (leia mais)

 

Técnico do Londrina pede o boné depois da derrota para o Bahia

Roberto Fonseca sai de cena, após retorno relâmpago (Gustavo Oliveira/ Londrina EC)

por Adriano Santiago

Praticamente uma unanimidade entre os torcedores, após tirar o LEC da zona de rebaixamento e quase levar o clube para a Série A, Roberto Fonseca não é mais o técnico do Londrina. (mais…)

Prefeitos se rebelam e proíbem “esfolada” da Sanepar

A esfolada que a Sanepar – aumento de 12,13% na tarifa da água – com a benção do governador ainda vai dar muita dor de cabeça a Ratinho Jr.

O desgaste é óbvio já que a inflação de 2018 fechou em 3,75%. Ou seja, a tarifa vai subir quase 3 vezes a mais do que o reajuste médio dos salários. É difícil ou quase impossível explicar isso. (mais…)

Força Tarefa da Lava Jato desmente Toffoli

do Contraponto

A força-tarefa da Operação Lava Jato em Curitiba divulgou na tarde desta quinta-feira (18) nova de esclarecimento na qual nega as suspeitas levantadas pelo presidente do STF de que procuradores tenham vazado para a imprensa o documento constante dos autos que indicavam corresponder a Dias Toffoli o apelido “amigo do amigo do meu pai”. (mais…)

Começou a privatização da Copel Telecom

do Contraponto

A Copel deu início oficial ao processo de privatização de sua subsidiária Copel Telecom, lucrativa empresa que atende a 150 mil clientes com serviços de internet em fibra ótica e campeã nacional de qualidade no setor.

Em comunicado ao mercado divulgado na quarta-feira (17), o Conselho de Administração da Copel avisa que abriu “Estudos sobre potencial alienação – Copel Telecom”, o que, traduzido em miúdos, quer dizer está tomando providências legais e técnicas para colocar a subsidiária à venda, mediante leilão a ser realizado – segundo já informou o presidente da companhia, Daniel Pimentel Slaviero, antes que 2019 termine.

Mexida na lei dos partidos

Senado Federa (Roque de Sá/Agência Senado)

Do blog do Tupan

Agência Brasil informa que o plenário do Senado aprovou, com alterações, o projeto de lei que altera a Lei dos Partidos Políticos. O PL dá autonomia aos partidos políticos para definirem o prazo de duração dos mandatos dos membros dos seus órgãos partidários permanentes ou provisórios. O projeto foi aprovado na Câmara dos Deputados no início de abril. (mais…)

Encontro Diversidade e Gestão

Da Assessoria

Nos últimos meses, poucos temas foram tão discutidos no Brasil quanto “diversidade”. Com o objetivo de abordar temas relevantes para a sociedade e debatê-los de maneira aprofundada, o ISAE Escola de Negócios vai promover na próxima terça-feira, dia 23 de abril, o 1ª Encontro Diversidade e Gestão, na cidade de Londrina. O evento, gratuito e aberto ao público, vai tratar de assuntos fundamentais para o combate da discriminação, preconceitos e exclusão social. (mais…)

Publicano 2: Ministro Schietti tranca ação sem justa causa, baseada apenas em delação premiada

Por Gabriela Coelho/Conjur

Depoimentos prestados em delações premiadas não são provas e não podem servir de base para ações penais. Por isso o ministro Rogério Schietti, da 6ª Turma do Superior Tribunal de Justiça, trancou ação penal contra o contador Luiz Rufato. Segundo o ministro, não havia justa causa para a instauração do processo.

Secretário de Segurança do Paraná pede pra sair, e sai

E o general Luiz Felipe Carbonell, que havia pedido pra sair do governo Ratinho Jr na última semana, e o governador havia conseguido mantê-lo por mais uns dias, saltou fora de vez. Ele respondia pela Secretaria de Segurança.

Vai mesmo ser diretor da Itaipu Binacional, que, cá entre nós, é um cargo muito mais tranquilo, sem maiores dores de cabeça, até porque ele já esteve por lá como chefe da Assessoria de Informações.

Rossoni vira réu por improbidade

do blog do Tupan

G1 Paraná informa que o ex-deputado estadual e federal Valdir Rossoni (PSDB) virou réu por improbidade administrativa em uma ação civil pública ligada a Operação Quadro Negro, que investiga desvios de mais de R$ 20 milhões em obras de escolas públicas.

A denúncia do Ministério Público do Paraná (MP-PR) foi aceita pelo juiz Luis Mauro Lindenmeyer Eche, da Comarca de União da Vitória. A decisão da Justiça é do dia 9 de abril.

De acordo com o MP, Rossoni foi o beneficiário de propina de sete licitações realizadas no município de Bituruna, na região sul do Paraná. Segundo a denúncia, o filho do ex-deputado era prefeito da cidade na época das licitações.

, , ,

TC determina que ex-prefeito Nedson, secretários e Oscip devolvam R$ 14 mi

Filipe Muniz
Equipe O LONDRINENSE

A segunda câmara do Tribunal de Contas do Estado do Paraná julgou irregulares transferências de recursos feitas pela Autarquia Municipal de Saúde de Londrina em convênio com o Centro Integrado de Apoio Profissional (CIAP) nos exercícios de 2007 e 2008. O tribunal apontou a ausência de documentos que comprovem a destinação dos recursos e determinou a restituição de R$ 14.942.112,66. O valor deverá ser corrigido monetariamente e calculado após o trânsito em julgado da decisão, da qual cabem recursos. (leia mais)

Mais um Francischini enroladão. Justiça bloqueia bens do presidente da CCJ

do G1

A Justiça do Paraná determinou o bloqueio de bens do deputado federal Felipe Francischini (PSL), presidente da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara, por suspeita de gastos irregulares com alimentação com verba da Assembleia Legislativa do Paraná (Alep).

(mais…)

PGR e STF se enfrentam sobre liberdade de imprensa

da F.São Paulo

A Procuradoria-Geral da República e o Supremo Tribunal Federal entraram em atrito devido ao inquérito aberto pelo presidente da corte, Dias Toffoli, para apurarfake news, ofensas e ameaças contra os ministros.

A procuradora-geral, Raquel Dodge, determinou o arquivamento do caso, mas Alexandre de Moraes, presidente do inquérito, disse que ela não tem respaldo legal e que a apuração prosseguirá. O enfrentamento se deu em meio a uma operação da PF que apreendeu computadores e celulares de suspeitos de divulgar informações criminosas contra magistrados do STF.