Aprovação de Ratinho Jr cai em Londrina

do Portal Paiquerê

As administrações de Ratinho Junior (PSD), como governado do Estado, e Jair Bolsonaro (sem partido), como presidente da República, foram novamente avaliadas pelos londrinenses na pesquisa realizada pela Paiquerê 91,7/Instituto Multicultural/Folha de Londrina, divulgada nesta terça-feira (10). Essa é a segunda vez que os trabalhos são questionados no levantamento. (mais…)

Empresa de “Lulinha”, filho de Lula, é um dos alvos

com O Globo

Na operação de hoje um dos alvos principais é a empresa do filho do ex-presidente Lula, Fábio Luiz Lula da Silva, conhecido como Lulinha, A PF e o Ministério Público Federal (MPF) investigam pagamentos suspeitos de R$ 132 milhões da Oi para empresas dele. do ex-presidente Lula, Fabio Luis Lula da Silva, o Lulinha. (mais…)

, , , , ,

Operação Mapa da Mina: Polícia Federal deflagra a 69ª Fase da Operação Lava Jato

da PF

Curitiba/PR – A Polícia Federal deflagrou, na manhã de hoje (10/12), em cooperação com o Ministério Público Federal e Receita Federal, a 69ª fase da Operação Lava Jato, denominada Mapa da Mina.
Cerca de 200 Policiais Federais, com o apoio de 15 Auditores Fiscais da Receita Federal, cumprem 47 mandados de busca e apreensão nos Estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Bahia e no Distrito Federal. Os mandados foram expedidos pela 13ª Vara Federal em Curitiba/PR. (mais…)

, , , , , , ,

Flávio Bolsonaro, senador. Na mira do COAF. Veja por quê

, , , , , , , ,

Prefeitura vai trabalhar amanhã, dia do aniversário de Londrina

do N.Com

A Prefeitura de Londrina informa sobre o funcionamento dos órgãos públicos municipais nesta terça-feira (10). Nesta data, em 1934, ocorreu oficialmente a instalação da cidade, e a data tornou-se feriado municipal. Porém, o decreto municipal nº 1.146 de 2019 transferiu o feriado deste ano para o dia 30 de dezembro, sendo a medida válida exclusivamente para as repartições públicas municipais. (mais…)

Mexe mexe na midia do Paraná

do Jornalista Valdir Cruz/via blog do Rigon

1) A Rádio CBN Curitiba pode mudar de dono nos próximos dias. Iria do empreiteiro Joel Malucelli para o deputado Ricardo Barros, que já comanda a CBN Maringá e a CBN-Cascavel.

2) O portal Bem Paraná deve sair das mãos de Rodrigo Barrozo, que viu seu nível de oxigênio financeiro ficar rarefeito depois que perdeu o cartório que sustentou a família nos últimos 50 anos. O novo dono deve ser o empreiteiro Marcelo Almeida.

3) Nesta segunda-feira, muda tudo na RIC-TV. É uma tentativa da emissora em recuperar o terreno perdido ao longo do ano e corrigir já os erros para voltar à disputa com a Rede Massa no ano que vem.

4) A Rede Massa pode trocar seu diretor principal. Segundo pessoas próximas ao apresentador Ratinho, o diretor anda extrapolando nas suas funções e dando pitacos (errados) onde não deve. O clima de confiança entre o dono e o diretor já não é mais aquele

Bolsonaro volta atrás e revoga decreto que iria tirar 17 atividades profissionais do MEI

(Adriano Machado/Reuters)

Mais uma pataquada da equipe do presidente Jair Bolsonaro foi barrada pelo Congresso. Bolsonaro encaminhou um decreto que retirava do sistema Micro Empreendedor Individual, o MEI, 17 atividades profissionais, entre elas motoristas de aplicativos, esteticistas, professor de informática, instrutor de música, DJs, cantores, etc.

A medida atingiria cerca de 611 mil profissionais, conforme números do Sebrae. (mais…)

Olavo de Carvalho e seus pupilos lançam jornal conservador

Olavo de Carvalho e seus fieis seguidores reunidos em um único veículo de comunicação. Está nascendo o Brasil Sem Medo, site de notícias que vai reunir textos, notícias, colunas no que eles dizem ser o maior jornal conservador do País. O lançamento está previsto para o dia 19. (mais…)

CPI da Fake News mira “gabinete do ódio”

do Estadão

O terceiro andar do Palácio do Planalto entrou na mira das investigações da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPMI) das Fake News. Nas próximas semanas, a comissão deve solicitar acesso aos IPs (uma espécie de identidade do aparelho) e dados dos computadores usados por servidores que integram o chamado “gabinete do ódio”, que atuam no mesmo andar no qual o presidente da República, Jair Bolsonaro, despacha diariamente.

Joice Hasselmann
Decisão de pedir acesso aos IPs e dados dos computadores dos servidores foi tomada depois que a deputada Joice Hasselmann prestou depoimento na CPI Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom / Agencia Brasil

Como mostrou o Estado em setembro, “gabinete do ódio” é como internamente integrantes do governo passaram a se referir ao grupo formado por três servidores ligados ao vereador do Rio de Janeiro Carlos Bolsonaro (PSC), filho “02” do presidente. Os assessores Tércio Arnaud Tomaz, José Matheus Sales Gomes e Mateus Matos Diniz produzem relatórios diários, com suas interpretações, sobre fatos do Brasil e do mundo e são responsáveis pelas redes sociais da Presidência da República. (leia mais)

Investigação contra Flávio Bolsonaro é retomada

do Contraponto

Após uma paralisação de 120 dias, a investigação sobre lavagem de dinheiro e peculato (desvio de dinheiro público) contra o senador Flávio Bolsonaro (PSL-RJ) e seu ex-assessor Fabrício Queiroz será retomada no Ministério Público do Rio de Janeiro (MP-RJ). As informações são de Juliana Dal Piva, do jornal ‘O Globo. (mais…)

Aposentadorias dos governadores ainda não podem ser canceladas

Apesar de o Supremo Tribunal Federal ter considerado inconstitucional o pagamento de aposentadoria para ex-governadores do Paraná, o cancelamento do benefício não é feito imediatamente.

É preciso que o acórdão seja publicado e verificar se haverá recursos. Só depois é que o governo do Paraná poderá cancelar os pagamentos que consomem mais de R$ 4 milhões por ano.

No Paraná recebem o benefício os ex-governadores Paulo Pimentel, Roberto Requião de Mello e Silva, Jaime Lerner, Orlando Pessuti, Mário Pereira, Beto Richa, Cida Borgheti, João Elizio de Ferraz Campos e Emilio Hoffmann; e três viúvas, Arlete Richa, Madalena Mansur e Rosi Gomes da Silva.

MP deflagra operação em 10 estados

do MP
Foi deflagrada nesta sexta-feira 6 de dezembro, a Operação Nacional Petrolato, ação do Ministério Público em 10 estados, coordenada pelo Ministério Público do Paraná e voltada a coibir ilegalidades no setor de logística reversa de óleo lubrificante usado e contaminado. No âmbito do MPPR o trabalho é conduzido pelas Regionais de Curitiba e Cascavel do Grupo de Atuação Especializada em Meio Ambiente, Habitação e Urbanismo (Gaema) e pela 13ª Promotoria de Justiça de Maringá. Estão sendo cumpridos no Paraná sete mandados de busca e apreensão nas cidades de Curitiba, São José dos Pinhais, Maringá e Cascavel. (mais…)

Servidores de Londrina serão contratados para jornada de 40 horas semanais

A Câmara de Vereadores de Londrina aprovou hoje o projeto de lei da prefeitura que determina que os próximos concursos públicos contratem servidores para jornada de trabalho de 40 horas semanais. A jornada dos atuais é de 30 horas.

Foram 17 votos favoráveis e duas ausências. O objetivo é que, aos poucos, o atendimento à população volte a ser das 9 às 18 horas.