Nova secretária da Secretaria de Meio Ambiente de Londrina

O prefeito de Londrina Alexandre Kireeff, nomeou a advogada Liane Aparecida Lima como nova secretária do Meio Ambiente. Ela vem substituir a servidora de carreira Maria Silvia Cebulski e também o secretário nomeado pelo prefeito, José Carlos Bruno de Oliveira – que precisou deixar o cargo por incompatibilidade entre a função e a direção da Companhia Municipal de Trânsito e Urbanização (CMTU).

Pra começar o dia

“Quando as pessoas acreditarem que a prosperidade é a recompensa da virtude, ela será tomada como sinônimo de virtude. Os homens desistirão da tarefa difícil de fazer dos homens bons homens de sucesso e adoptarão a tarefa mais fácil de dizer que os homens de sucesso são homens bons.”

Chesterton

Gleisi esperneia, sapateia e reclama no STF

Mais enrolada que cabelo crespo que passa longe de chapinha, a senadora Gleisi Hoffmann (PT) ajuizou no Supremo Tribunal Federal uma reclamação para atentar anular o seu indiciamento pela Polícia Federal (PF). Ela pode ser investigada por envolvimento no esquema de corrupção Lava Jato. Segundo a defesa da senadora, não cabe a autoridade policial indiciar autoridades com foro privilegiado na Suprema Corte.

Inscrições para concurso termina nesta quinta

As inscrições para o concurso da prefeitura de Londrina terminam nesta próxima quinta-feira. As vagas são para cadastro de reserva para os cargos de técnico de gestão de pública na função de assistente de gestão e técnico orientador social na função de assistência técnica em orientação social, além de agentes de endemias, na função de serviço de combate as endemias. A carga horária será de 30 horas semanais.

Rede lança hoje campanha “Nem Dilma, Nem Temer”

A ex-candidata a presidência Marina Silva que um dia foi do PT, saltou para o PV e criou o Rede de Sustentabilidade, lança hoje a campanha ‘Nem Dilma, Nem Temer, Nova Eleição é a Solução’. O partido defende novas eleições. Para Marina o impeachment não é golpe e ela insiste em dizer que o mais legítimo seria a cassação da chapa eleitoral da atual presidente, Dilma Rousseff. Para a Rede a presidente e o vice-presidente são responsáveis pela situação do Brasil.

PSOL quer cassar mandato do vereador que votou no lugar de colega em Curitiba

O vereador e o dedão na maquininha de votação. Mas ele nega

O PSOL de Curitiba pediu para que o departamento jurídico do partido analise a possibilidade de ingressar com um pedido de cassação do mandato do vereador curitibano pastor Valdemir Soares (PRB). Ele foi flagrado pelas câmeras votando no lugar da vereadora Julieta Pires (DEM), mesmo assim ele nega.

O projeto que estava sendo discutido versava – adoro esta palavra – sobre o perdão dos descontos dos dias parados durante a greve dos professores. A vereadora Julieta votaria contra por considerar que esta é uma decisão do executivo e nada tem a ver com o legislativo.

 

Cidadão Délio será lançado nesta sexta. Participe

12495091_807238999382235_5468261748285509723_n

Na próxima sexta, dia 8, no Espaço Plaenge, em Londrina, o jornalista Lélio Cesar lançará o livro “Cidadão Délio”, contando a trajetória do jornalista Délio César, mineiro, que adotou a cidade e foi, por décadas, uma das principais  referências do jornalismo na cidade.

Ex-vereador, vice-prefeito ao lado de Wilson Moreira, foi também fundador do Jornal de Londrina, e talvez o primeiro blogueiro político da cidade.

 

A flexibilidade ideológica dos políticos paranaenses é digna de um estudo

Se há um político que tem uma, digamos, flexibilidade ideológica, esta figura pode também ser chamada de Marcelo Almeida. Na última campanha eleitoral ele, sócio de uma das maiores empresas de pedágio que esfola o bolso do paranaense, aliou-se a Roberto Requião de Mello e Silva – que disputava o governo do Paraná, sendo derrotado por Beto Richa, e ele próprio, uma vaga ao Senado. Mello e Silva, como todos lembram, esperneava contra as empresas, chamando-as de nomes inimagináveis. Mas, sabe como é. Almeida e Mello e Silva aliaram-se, juntinhos como unha e  carne.

Agora, vejo no blog do sempre inteirado Fernando Tupan, que Marcelo Almeida ingressou no PV de Álvaro Dias.

Marcelo Almeida

O ex-deputado federal Marcelo Almeida deixou o ninho peemedebista e agora faz parte da família verde paranaense. Na semana, Almeida assinou a ficha de filiação do PV e tornou-se o nome do partido para disputar a prefeitura de Curitiba, em outubro. Militantes da causa, há 2 semanas, defendem a candidatura própria nas internas. O grupo constatou que não conseguirá emplacar a vice na chapa do prefeito Gustavo Fruet (PDT). Parte até crítica nas internas a atual gestão que não estaria correspondendo. A posição poderá trazer problemas para Paulo Salamuni, líder de Fruet, Cristiano Santos e Aladim Luciano. Todos integrantes da base aliada.

Unifil faz parceria para aperfeiçoar gestão

O jornal Valor deste fim de semana (página B7) traz a notícia de que a rede americana Ilumno – grupo Whitney – dona da Universidade Veiga de Almeida e Unijorge (Rio e Salvador), vai prestar serviços educacionais para o centro universitário de Londrina. “Esse braço de negócio da Ilumno faz a gestão administrativa e acadêmica da faculdade que contrata os seus serviços..” – é o que informa Arlindo Cardarett Vianna, presidente da Ilumno e reitor da UVA.