TC manda suspender salário de vereador preso

O Tribunal de Contas do Estado do Paraná (TCE-PR) determinou a suspensão do pagamento, pela Câmara Municipal de Nova Tebas, de subsídio de R$ 4 mil para o vereador afastado Vaudinei Borgert, preso preventivamente desde 10 de novembro de 2018. A prática contraria a jurisprudência da corte. (mais…)

Novo vereador é recepcionado com faixa na Câmara

O vereador Emanoel Gomes (PRB) assumiu hoje a vaga de vereador na Câmara de Londrina e está todo prosa. Teve até faixa de recepção nas galerias.

Gomes é pastor na Igreja Universal do Reino de Deus. Natural de Arco Verde (PE), mudou-se com a família para o Rio de Janeiro (RJ) aos seis meses de idade e lá permaneceu até os 17 anos, mudando-se posteriormente para Curitiba, cidade onde viveu até os 30 anos. A mudança para Londrina aconteceu em 2011, e já no ano seguinte conquistou uma vaga na Câmara de Vereadores.

Em parceria com o Grupo Força Jovem, Emanoel Gomes realiza trabalhos de recuperação de jovens usuários de drogas, além de participar de projetos sociais e assistenciais desenvolvidos na cidade, entre eles o Universal nos Presídios (UNP), junto aos detentos das duas unidades da Penitenciária Estadual de Londrina (PEL 1 e PEL 2). Nas últimas eleições, para a Legislatura 2017/2020, foi eleito suplente com 2.184 votos.

 

Oriovisto, o frasista

Senador eleito pelo PSD, o novato Oriovisto disse ontem que a sessão do Senado para a escolha do novo presidente da Casa mais parecia uma cena de Walking Dead:

“Os mortos – velhos políticos – insistiam em se levantar do caixão para assombrar a Casa. Parecem não entender que o eleitor quer mudanças de comportamento”

Coisas que só acontecem no Pais da Jabuticaba: Ex-diretor de serviço de água fraudava a própria conta de água

Informa o intrépido jornalista Odair Matias, de Cornélio Procópio, que o Ministério Público da cidade ajuizou Ação Civil Pública pedindo a condenação do vereador de Sertaneja Fabio Valério (PMDB) por improbidade administrativa. (mais…)

AMEPAR busca parceria com a Universidade Estadual de Londrina

foto divulgação

Quem sabe não é desta vez.

Se há uma coisa que o setor empresarial e os municípios cobram muito da Universidade Estadual de Londrina – e das demais estaduais também – é uma maior participação da UEL no apoio ao desenvolvimento econômico regional. (mais…)

Comissão de Ética

Também será eleita hoje a Comissão de Ética Parlamentar para o biênio 2019/2020, composta por quatro membros – três titulares (que serão os três candidatos mais votados nesta tarde) e um suplente.  (mais…)

Atenção. Recomeçam os trabalhos na Câmara

A Câmara de Londrina reinicia hoje os trabalhos. Na pauta a eleição para definir os integrantes das 13 das Comissões Permanentes. A mais cobiçada é sempre a de Justiça, Legislação e Redação. (mais…)

Modernidades, mas nem tanto

Ao contrário da iniciativa privada, em que os caras precisam matar um leão por dia e, portanto, buscam eficiência e produtividade para sobrar algum quaisquais no final do mês, no poder público quando se fala em mudanças de paradigma – palavra bonita que enobrece qualquer texto – precisa ser olhada assim, com alguma boa vontade mas sem expectativas exageradas. (mais…)

Menos de um ano como governadora e aposentadoria de 30 mil

Menos de um ano como governadora e Cida Borghetti não perdeu tempo. Ela requereu, em janeiro, o benefício de R$ 30 mil por mês a que tem direito por ter sido governadora, mas está em trâmite administrativo. A informação é de Kátia Brembatti, na Gazeta do Povo. (mais…)

Gaeco prende vereador suspeito de extorsão

Desde que o parlamento – e isso começa nas Cãmaras de vereadores, passando pelas assembleias legislativas, Câmara Federal e Senado – tornou-se prática o rachid de salários entre os servidores comissionados e os caras que são donos dos cargos.

Volta e meia um escândalo aparece e alguém é preso. Pior é que o povo não aprende. (mais…)

Chamuscada na tentativa de Barros ser presidente da Câmara tornou a semana no Palácio Iguaçu bem mais feliz

A fragorosa e implacável derrota do ex-ministro da Saúde, o deputado Ricardo Barros (PP) na tentativa de ser o presidente da Câmara Federal deixou muita gente no Palácio Iguaçu feliz, mas muito feliz da vida. (mais…)

Amaral é convidado pra ser o vice-líder de Ratinho na Assembleia

O deputado estadual Tiago Amaral (PSB) deverá ser o vice-líder do governador Ratinho Jr na Assembleia Legislativa.

O convite foi feito dias atrás. Os dois estão agora discutindo quais serão as atribuições de Amaral na Assembleia. Hoje ele preside a Comissão que está fazendo um pente fino nas leis estaduais para eliminar as que são inócuas ou que estão em desuso para ajudar na desburocratização do Estado.

Millôr contra o poste

Ruy Castro/Via blog do Zé Beto

Nos anos 80 e 90, quando o Jornal do Brasil tinha enorme peso na imprensa, Millôr Fernandes produzia uma coluna diária na sua página de opinião e, com seu espírito de ferrinho de dentista, infernizava a vida de José Sarney, Fernando Collor, Itamar Franco e Fernando Henrique Cardoso, os presidentes do período. Mas, às vezes, Millôr se ocupava também dos assuntos do Rio. De preferência, dos que lhe tocavam mais de perto —leia-se Ipanema, do qual era proeminente cidadão. Em certo momento, Millôr implicou com um poste gigante armado pela prefeitura na pedra do Arpoador para tornar a área mais segura e facilitar a vida dos surfistas que pegavam onda de madrugada. (mais…)

Com 4 abstenções, Câmara de Rolândia arquiva processo contra prefeito afastado

E não é que o prefeito de Rolândia, afastado pela Justiça, Luiz Francisconi Neto (PSDB), conseguiu se livrar da cassação do mandato pela Câmara de Vereadores!

Durante uma sessão tumultuada ocorrida no sábado, por seis votos favoráveis ao relatório da Comissão Processante – que apontava irregularidades na conduta do prefeito e pedia a cassação de seu mandato – e 4 abstenções o relatório foi arquivado.

(mais…)

Londrina tem novo vereador

E Londrina ganha um novo vereador.

Emanoel Gomes assume a vaga do ex-vereador e agora deputado federal Filipe Barros (PSL).

Gomes é o primeiro suplente da coligação PRB/PDT e já foi vereador na legislatura passada. Segundo Gomes haverá muito trabalho nestes dois anos de mandato. Temas importantes estarão na pauta como a telefônica Sercomtel, a Caixa de Assistência e Aposentadoria dos servidores (Caapsml), revisão do Plano Diretor, etc.

A meta principal, conforme Emanoel Gomes, é fiscalizar os atos do Executivo. “Pretendo também dar uma atenção especial aos distritos que estão precisando de reparos e melhorias. Vamos continuar defendendo a criança e o adolescente com todas as forças. Vamos lutar pela Segurança e Infraestrutura asfáltica nos bairros. Tem muitos bairros que estão desassistidos há muitos anos”, diz o vereador.