Curto Circuito foi causa de incêndio na Mansão Palhano

A perícia do Instituto de Criminalística de Londrina concluiu que um curto circuito incendiou a Mansão Palhano. A boate foi incendiada no último dia 2 de março. Após a perícia ficou descartada a possibilidade de um incêndio criminoso.

Londrina pode ficar sem cursos do Pronatec

O governo federal não repassa recursos há três meses para os cursos do Pronatec. E para 2015, o governo ainda não se pronunciou se vai abrir novas turmas ou não. O calendário do Ministério da Educação sobre o Pronatec vai sair hoje.

Nota Oficial da chapa Transformação, que disputa a eleição na Federação Paranaense de Futebol

A Verdade!

O grupo político que se intitula “Oposição de Verdade” mente sobre uma falsa inelegibilidade de nosso candidato Hélio Cury, em razão de um julgamento ocorrido no último dia 13, na quarta comissão disciplinar do STJD, em decisão não unânime, que comporta ainda amplo direito de defesa e recurso com efeito suspensivo obrigatório.

Não informa que Helio Cury em seis anos à frente da FPF nunca sofreu alguma sanção ou denúncia na Justiça Desportiva na CBF e estranhamente nos últimos 20 dias respondeu a três denúncias, sendo vitorioso em duas já na primeira fase e agora se defenderá na segunda instância da denúncia de ocasião.

Maliciosamente, também, não informa que a decisão comporta recurso ao Pleno do STJD; maliciosamente, faz interpretação deturpada de dispositivos legais, inaplicáveis ao caso; maliciosamente busca colocar em dúvida a lisura do pleito eleitoral.

Que fique claro, a condenação não transitou em julgado, comporta recurso com efeito suspensivo, conforme disposição legal expressa.

E essa condenação, também não importa na inelegibilidade do candidato Hélio Cury, não priva do Direito de disputar uma eleição e nem de ser empossado, não podendo a a Chapa oposicionista aumentar o alcance da norma.

Não há que se falar portanto, em inelegibilidade, até mesmo porque, não previsto no Estatuto e em nenhum dispositivo legal no ordenamento esportivo pátrio.

A mentirosa nota emitida demonstra claramente o desespero da malfadada Chapa oposicionista, que não conseguiu obter os apoios necessários, e agora utiliza de todos os ardis possíveis para tentar inviabilizar a candidatura de Héio Cury ou até mesmo tumultuar o processo eleitoral da FPF.

Reafirmamos a nossa candidatura, nosso compromisso com a verdade, e que a transformação continue na FPF.

Curitiba, 14 de março de 2.015.

Chapa “Transformação”

100 Anos de perdão?

Alberto Youssef (foto) está sendo acusado por parentes de um deputado (já falecido) que estava na listados políticos que pilharam a Petrobras. O doleiro, segundo parentes do deputado, teria se apropriado do dinheiro que o parlamentar lhe confiara para depositar no exterior. Parece que a fortuna – algumas dezenas de milhões de dólares – estava numa conta do defunto à qual Youssef tinha total acesso. A viúva jura que vai se vingar.

Apresentador Ratinho está na lista do HSBC

Donos de veículos de comunicação, herdeiros e jornalistas estão entre os correntistas do banco na Suíça

POR CHICO OTÁVIO / CRISTINA TARDAGUILA / RUBEN BERTA*, em O Globo

Na lista dos 8.667 brasileiros que, em 2006 e 2007, tinham contas numeradas no HSBC da Suíça, aparecem donos, diretores e herdeiros de veículos de comunicação, além de jornalistas.

Um levantamento feito pelo GLOBO, em parceria com o UOL, com base nos documentos oficiais que foram vazados por um ex-funcionário da instituição financeira, indica que há ao menos 22 empresários e sete jornalistas brasileiros entre os correntistas do HSBC suíço.

Os correntistas localizados negaram a existência das contas e qualquer irregularidade.

Nos documentos, constam os nomes de proprietários do Grupo Folha, ao qual pertence o UOL. Tiveram conta conjunta naquela instituição os empresários Octavio Frias de Oliveira (1912-2007) e Carlos Caldeira Filho (1913-1993).

Luiz Frias (atual presidente da Folha e presidente/CEO do UOL) aparece como beneficiário da mesma conta, que foi criada em 1990 e oficialmente encerrada em 1998. Em 2006/2007, os arquivos do banco ainda mantinham os registros, mas, no período, ela estava inativa e zerada.

Quatro integrantes da família Saad, dona da Rede Bandeirantes, também tinham contas no HSBC na época em que os arquivos foram vazados.

Constam entre os correntistas os nomes do fundador da Bandeirantes, João Jorge Saad (1919-1999), da empresária Maria Helena Saad Barros (1928-1996) e de Ricardo Saad e Silvia Saad Jafet, filho e sobrinha de João Jorge.

Lily de Carvalho, viúva de dois jornalistas e donos de jornais, Horácio de Carvalho (1908-1983) e Roberto Marinho (1904-2003), aparece na lista. Horácio de Carvalho foi proprietário do extinto “Diário Carioca”. Roberto Marinho foi dono das Organizações Globo, hoje Grupo Globo, ao qual pertence O GLOBO.

O nome de Lily surge nos documentos com o sobrenome de Horácio, seu primeiro marido, e o representante legal da conta junto ao HSBC é a Fundação Horácio de Carvalho Jr. O saldo registrado em 2006/2007 era de US$ 750,2 mil. Lily morreu em 2011.

Do Grupo Edson Queiroz, dono da TV Verdes Mares e do “Diário do Nordeste”, estão Lenise Queiroz Rocha, Yolanda Vidal Queiroz e Paula Frota Queiroz (membros do conselho de administração). Elas tinham US$ 83,9 milhões em 2006/2007. Edson Queiroz Filho também surge como beneficiário da conta. Ele morreu em 2008.

Luiz Fernando Ferreira Levy (1911-2002), que foi proprietário do jornal “Gazeta Mercantil”, que não existe mais, teve conta no HSBC em Genebra entre os anos de 1992 a 1995.

Dorival Masci de Abreu (morto em 2004), que era proprietário da Rede CBS de rádios (Scalla, Tupi, Kiss e outras), foi correntista da instituição financeira na Suíça entre 1990 a 1998.

João Lydio Seiler Bettega, dono das rádios Curitiba e Ouro Verde FM, no Paraná, tinha conta ativa em 2006/2007. O saldo era de US$ 167,1 mil.

Fernando João Pereira dos Santos, do Grupo João Santos, que tem a TV e a rádio Tribuna (no Espírito Santo e em Pernambuco) e o jornal “A Tribuna” tinha duas contas no período a que se refere os documentos. O saldo delas era de US$ 4,4 milhões e US$ 5,6 milhões.

Anna Bentes, que foi casada com Adolpho Bloch (1908-1995), fundador do antigo Grupo Manchete, fechou sua conta no ano 2000.

O apresentador de TV Carlos Roberto Massa, conhecido como Ratinho e dono da “Rede Massa” (afiliada ao SBT no Paraná) tinha uma conta com sua mulher, Solange Martinez Massa, em 2006/2007. O saldo era de US$ 12,5 milhões.

Aloysio de Andrade Faria, do Grupo Alfa (Rede Transamérica), tinha US$ 120,6 milhões.

Os sete jornalistas que aparecem nos registros do HSBC são Arnaldo Bloch (“O Globo”), José Roberto Guzzo (Editora Abril), Mona Dorf (apresentadora da rádio Jovem Pan), Arnaldo Dines, Alexandre Dines, Debora Dines e Liana Dines, filhos de Alberto Dines. Fernando Luiz Vieira de Mello (1929-2001), ex-rádio Jovem Pan, teve uma conta, que foi encerrada em 1999.

As contas de Bloch e Guzzo estavam encerradas. Mona tinha US$ 310,6 mil. Os quatro jornalistas Dines guardavam US$ 1,395 milhão.

* Participaram também da apuração desta reportagem os jornalistas Fernando Rodrigues e Bruno Lupion (do UOL)

** A investigação jornalística multinacional é comandada pelo ICIJ, sigla em inglês para Consórcio Internacional de Jornalistas Investigativos (www.icij.org)

Fora Dilma reúne mais de 45 mil em Londrina

IMG_2026Mais de 45 mil pessoas, conforme a polícia militar,  saíram às ruas em Londrina para protestar contra a corrupção e contra o governo da presidente Dilma Rousseff.

A concentração começou por volta das 15 horas no cruzamento das avenidas Higienópolis e JK. Veio gente de todas as regiões da cidade. Usando camisas amarelas e verdes seguiram até o Calçadão e pararam na Praça da Bandeira.

Ainda na Higienópolis o grupo cantou músicas como a de Geraldo Vandré, Para não Dizer que não Falei das Flores, música símbolo da luta contra a ditadura militar.

A Polícia Militar, com o apoio da Guarda Municipal, fechou ruas para que a passeata seguisse. A PM não registrou incidentes.

 

Londrina e Paraná fazem jogo beirando o ridículo e empatam no Café

Num jogo que aconteceu quase nada no primeiro tempo e menos ainda no segundo, o Londrina, mais uma vez, decepcionou. Jogando contra o fraco Paraná Clube, no Estádio do Café, empatou em 0 a 0.

Aliás o ataque continua inoperante. Só para se ter uma ideia, o cara que mais fez gol este ano para o LEC é o zagueiro Dirceu, que marcou duas vezes.

O time se reapresenta amanhã, pois na terça enfrenta o Santos pela Copa do Brasil, no Estádio do Café.

Centro vai ficar sem energia no domingo

Moradores das imediações do centro de Londrina podem ficar sem luz na manhã deste próximo domingo (dia 15). A Copel irá trocar postes e fiação de alguns trechos (Av. Higienópolis, e as ruas Belo Horizonte, Pará, Paranaguá, Piauí, Pio XII, Santos, Tupi e entre outros). A programação do serviço será das 9h às 15h30. E na Av. Higienópolis, 9h às 12h30.

Paulinho estreia hoje no Londrina

O Londrina Esporte Clube joga hoje contra o Paraná Clube, no Estádio do Café. Será às 16 horas.

O Tubarão promover a estreia do atacante Paulinho, que jogou no time no ano passado, foi devolvido para o Grêmio Portoalegrense e agora está retornando ao Londrina.

Ele fará dupla com o atacante Arthur que ainda não marcou este ano.

CBF e os cartolas locais

Instruído a tentar tirar da FPF o presidente Helio Cury, Mario Celso Petraglia afirmava que com ele nada teria respaldo na entidade máxima e seríamos (ele!) sempre prejudicados.

Organizou uma chapa com Ricardo Gomyde e arrumou as assinaturas do trio de ferro contra Cury.
Tudo por que duas federações se negaram a dar unanimidade na eleição de Marco Polo del Nero para a CBF: a gaúcha e paranaense, ao votarem pela abstenção.
Agora a CBF anuncia que o último jogo da seleção brasileira antes da Copa América será contra Honduras em 10 de junho, no estádio do Internacional em Porto Alegre.
O argumento de Petraglia caiu por terra e o atual presidente da CBF José Maria Marin não o prestigiou com este jogo amistoso.

Seguro desemprego deve ser pedido pela internet

O pedido de seguro desemprego deverá ser feito deverá ser feito obrigatoriamente pela internet, a partir de 1° de abril, segundo o Ministério do Trabalho e Emprego (MTE). Este será o ‘empregador web’. Este processo vai dar mais agilidade as empresas redução de gastos e mais segurança.

Fora de órbita

Do Contraponto, da Folha de S. Paulo:

Depois de a Câmara ter aprovado a convocação do ministro Cid Gomes (Educação) para explicar sua declaração sobre a existência de “400 picaretas” na Casa e a aprovação em primeiro turno da PEC da Bengala, o deputado Arthur Virgílio Bisneto (PSDB-AM), em primeiro mandato, comentou com os colegas da bancada:

–Mas nós não somos minoria? Me preparei pra isso, mas a gente ganha todas!

O veterano Luiz Carlos Hauly (PR) comentou:

–Com a inaptidão do governo na condução da política estamos virando maioria. Acostume-se com isso.