Festival Kinoarte de Cinema volta ao Ouro Verde e amplia programação

Começa hoje a 19ª edição do Festival Kinoarte de Cinema, o mais tradicional festival de filmes do Estado do Paraná. A principal novidade deste ano é a extensão do Festival, que dessa vez durará duas semanas completas. A primeira semana será dedicada à exibição de mais de sessenta filmes, entre longas e curtas metragens nacionais e estrangeiros. As projeções ocorrem no recém-reinaugurado Cine Teatro Ouro Verde. Os filmes incluem desde os mais recentes destaques dos principais festivais de cinema do Brasil (como os de Brasília e Gramado) e de fora dele (Cannes, Berlim e Veneza) até filmes produzidos em Londrina e na região. (mais…)

E a Algar, topa comprar a Sercomtel?

A Sercomtel chegou a ser oferecida para a mineira Algar Telecom. A Algar já atua nos estados de Goiás, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, São Paulo, além do Distrito Federal.

Porém, o comando da Algar mostrou-se até interessado na Sercomtel se junto com a londrinense também fosse incluída no pacote a Copel Telecom, empresa da Copel, sócia da Sercomtel.

Quem milita no setor diz que outra possibilidade é as empresas que poderiam adquirir a Sercomtel estejam aguardando a decretação da caducidade, neste caso, poderiam adquirir a londrinense na “bacia das almas”, a um valor irrisório.

, , , ,

Anatel de olho com lupa na Sercomtel

Os otimistas acreditam que a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) não deve mexer com a telefônica Sercomtel até pelo menos o meio do ano que vem.

Os pessimistas não tem essa esperança.

Já os realistas estão com os números nas mãos e tem a consciência de que a Anatel está acompanhando o dia a dia da empresa londrinense. Apesar de todo o esforço a Sercomtel terá dificuldade de honrar seus compromissos no curto prazo. Não haverá dinheiro, no médio prazo, para pagar salários e recolher os impostos. O problema está exatamente aí. Atrasar salários é inadmissível para a Anatel e isso sim poderá desencadear de vez a caducidade da concessão da telefonia fixa.

Para piorar, a Receita Estadual não anda querendo dilatar ainda mais os prazos para o pagamento dos imporstos atrasados.

, , , , , , ,

Procuradoria do MP do Paraná arquiva denúncia contra promotores da Publicano

A Procuradoria do Ministério Público do Paraná decidiu arquivar a denúncia feita por advogados de Londrina contra alguns dos promotores que atuam no caso que ficou conhecido como Operação Publicano.

Veja a decisão da Procuradoria:
 

, , , , , ,

Os caminhos da malandragem 2. Veja outros casos

Só para ilustrar, em Foz do Iguaçu, em 2015 a polícia prendeu o secretário municipal de Tecnologia da Informação Melquizedeque Correa Souza, e outros três jaguaras por supostas fraudes no recolhimento do Imposto de Transmissão de Bens Imóveis (ITBI). Segundo o delegado do Gaeco Marcos Araguari, “o secretário de Tecnologia da Informação tinha o poder de administrar o banco de dados da Secretaria de Fazenda e há indicativos técnicos apurados de que ele teve condições práticas para isso e de que ele próprio fazia as alterações para reduzir o valor dos imóveis e consequentemente dos impostos”. (leia mais) (mais…)

, , , , , , , , , , ,

Por que não uma auditoria externa para rastrear os caminhos da malandragem?

Ainda falando sobre as denúncias de que servidores da Secretaria da Fazenda andaram fazendo “mágica” e sumindo com impostos atrasados de empresas – dois casos já foram confirmados – a prefeitura sim podia contratar uma auditoria externa para rastrear o caminho da malandragem. (mais…)

, , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

TRF4 Reduz penas de Gin Argello e outros condenados pela Lava Jato

Argello foi condenado em primeira instância pelo juiz Sérgio Moro, da 13ª Vara Federal de Curitiba, em outubro do ano passado, pelos crimes de corrupção passiva

Por Redação, com ABr – de Brasília:

O Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4), com sede em Porto Alegre, reduziu hoje a pena do ex-senador Gim Argello (DF) na Lava Jato, de 19 anos para 11 anos e 8 meses de reclusão.

Argello foi condenado em primeira instância pelo juiz Sérgio Moro, da 13ª Vara Federal de Curitiba; em outubro do ano passado, pelos crimes de corrupção passiva; lavagem de dinheiro e obstrução das investigações.

(mais…)

, , ,

Grupo de investidores propõe “sociedade” com Sercomtel Iluminação

Recentemente o novo CEO da TIM no Brasil, Stefano De Angelis, disse que a empresa está disposta a aquisições e não descartou negociar com a Sercomtel (Leia Aqui).

Além desta boa notícia, outra que pode ser melhor ainda está na mesa do prefeito Marcelo Belinati.
Ele foi procurado dias atrás por um grupo do mercado financeiro que representa investidores internacionais. Propuseram estudar uma joint venture com a Sercomtel Iluminação com aporte inicial de R$ 50 milhões. Também participou da reunião o presidente da Companhia de Desenvolvimento de Londrina (Codel), Nado Ribeirete. Os investidores têm interesse no projeto Smart City.

, , , , ,

Vendaval afeta pelo menos 200 imóveis em Tamarana

Da Assessoria

Uma tempestade acompanhada de ventos fortes atingiu Tamarana no meio da tarde deste sábado (4) e causou uma série de danos na área urbana do município. A ampla maioria das ocorrências identificadas pela Defesa Civil local foram destelhamentos (principalmente parciais) e quedas de árvores (dezenas delas foram derrubadas). Até o momento, o órgão estima que ao menos 200 imóveis – especialmente residências – foram afetados pela chuva. O fenômeno atingiu de alguma forma todas as regiões da cidade. No entanto, não há registro de mortos ou feridos. (mais…)

, , ,

Comissão na Sercomtel a todo vapor

Atendendo a recomendação do Ministério Público do Paraná a Sercomtel após pedir a saída do ex presidente Luiz Carlos Adati, uma comissão de experts foi montada para reavaliar pela Lei das Estatais cada currículo dos seus diretores e já chegou a conclusão que Claudio Espiga, diretor técnico da Sercomtel Iluminação, não atende aos requisitos mesmo sendo aposentado da Prefeitura da UEL. A comissão, que é composta por técnicos da telefônica, concluiu que Espiga participou ativamente da campanha eleitoral do prefeito Marcelo Belinati: além das postagens de cunho político-eleitoral em sua página no facebook, o engenheiro também gravou depoimento de apoio para a TV, com imagens no canal do youtube de Marcelo Belinati (VEJA AQUI) que o indicou para o cargo. (mais…)

, , , , ,

Desvio de dinheiro da Acesf: servidor perde o emprego e agora vai enfrentar o MP

A prefeitura de Londrina exonerou um funcionário de carreira, que trabalhava na Autarquia Municipal de Cemitérios e Serviços Funerários Acesf, acusado de desviar R$ 600 mil.

A investigação da Procuradoria começou em 2015. Paulo César dos Santos, que já foi secretário de Planejamento de Londrina e era servidor há 32 anos, e apurou que o dinheiro desviado pelo servidor vinha do pagamento de empresas que negociavam com a Acesf. O procedimento administrativo mostrou que a quitação dos valores era simulada, mas os cheques não iam para a conta da autarquia e eram repassados a outras pessoas.

(mais…)

, , , , ,

Indústria brasileira perde espaço na economia global

As participações do Brasil na produção e nas exportações de produtos manufaturados mostram que o país está perdendo importância na economia global. Em dez anos, a participação do Brasil caiu tanto na produção como nas exportações mundiais. A fatia das exportações brasileiras de produtos manufaturados no total mundial diminuiu 0,24 ponto percentual entre 2005 e 2015 e ficou em 0,58%. Enquanto isso, a participação da China aumentou 8,83 pontos percentuais e, a da Coreia do Sul, cresceu 0,55 ponto percentual informa o estudo Desempenho da Indústria no Mundo, feito pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), com base em estatísticas da Organização Mundial do Comércio (OMC). (mais…)

, , ,

Consultoria para fiscalizar concessionárias do Pedágio. Tá sobrando dinheiro aí?

E no classificados da Folha de Londrina de hoje o governo informa que está em andamento uma licitação para contratar consultorias para fiscalizar as obras das concessionárias do pedágio. Somados o montante chega a R$ 10 milhões.

Bom, como sou meio leso, deixa eu ver se entendi direito. O Paraná tem um dos pedágios mais caros do mundo. As concessionárias faturam altíssimo com o bolso do paranaense e dos desavisados que frequentam as nossas rodovias.

E aí o governo do Paraná vai pegar mais R$ 10 milhões de dinheiro público para contratar consultorias para fiscalizar as obras?

O Estado não pode fazer a fiscalização?

Tá sobrando dinheiro aí seu Richa?

Daqui a pouco vai querer contratar fiscalizadores que fiscalizam a consultoria que fiscaliza o pedágio.

Dinheiro público é uma festa.

, , , , , , ,

Auditor fiscal envolvido na Publicano diz que está sendo perseguido pelo MP

 

Hoje à tarde o auditor fiscal da Receita Estadual do Paraná, Orlando Aranda, acusado de participar de um esquema de corrupção derrubado pela Operação Publicano, prestou depoimento ao juiz Juliano Nanuncio.

Foi um depoimento tenso (veja acima). Há cerca de dez dias, segundo Aranda, um grupo de policiais do Gaeco, comandado pelo Ministério Público, esteve na casa dele e recolheu diversos documentos. Aranda diz que eram anotações de sua defesa.

Aranda disse que a ação foi feita para prejudicar sua defesa. (mais…)

, , , , , , ,

Cláusula de barreira derrubaria mais de uma dezena de micropartidos

do Movimento Transparência Partidária

Levantamento mostra que dos 35 partidos políticos brasileiros, 14 não teriam acesso ao fundo partidário, se a regra já valesse em 2011

De todos os pontos discutidos a exaustão durante as Comissões e votações da Reforma Política aprovada este ano, um se destaca e resulta no levantamento que segue, produzido pelo Movimento Transparência Partidária: a cláusula de desempenho, aprovada em forma de emenda constitucional (no 97/2017), pelo Congresso. (mais…)

, , , , , , , , , , ,