Ainda falando sobre os combustíveis. Em 5 anos gás de cozinha subiu 287%

Nos últimos cinco anos – de outubro de 2016 a outubro de 2021 – as altas, nas refinarias, foram de 107,7% para a gasolina, de 92,1%, para o diesel, e de impressionantes 287,9% para o gás de cozinha. Neste mesmo período, a inflação foi de 25,4%, medida pelo IPCA/IBGE. Enquanto isso, o salário-mínimo não teve ganho real. Ao contrário, variou 25%, abaixo da inflação.

O mesmo comportamento é verificado nos preços nos postos de revenda: Na gasolina, a alta acumulada em cinco anos é de 74,1%; no diesel, de 68,2%; e no gás de cozinha, de 84,2%.

Fonte: Federação Única dos Petroleiros

One thought on “Ainda falando sobre os combustíveis. Em 5 anos gás de cozinha subiu 287%

  • 26/10/2021, 13:44 em 13:44
    Permalink

    Enquanto isso… No começo deste mês, a Petrobras anunciou que tinha tido um lucro líquido de 8,1 bilhões de dólares. E logo depois a Petrobras anunciou que anteciparia o pagamento de R$ 32 bilhões em dividendos a seus acionistas. Como o maior acionista da Petrobras é o governo federal, a maior parcela desses R$ 32 bilhões vai direto para o cofre administrado pelo Bolsonaro e Paulo Guedes.

    Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: