De olho no Senado. Mas é preciso combinar com os eleitores

Informa o poderoso blog do Fernando Tupan que Ricardo Barros, líder do governo Bolsonaro na Câmara Federal, está de olho na disputa para o Senado. Para conseguir seu intento faria uma parceria estratégica com o governador Ratinho Jr.

Para recordar, Barros foi candidato ao Senado em 2010 e foi derrotado. Os vencedores foram Gleisi Hoffamn (PT) e Roberto Requião (MDB).

Na eleição do ano que vem será apenas uma vaga em disputa.

Se o Senador Alvaro Dias (Pode) não concorrer à reeleição, o jogo fica aberto.

Na última eleição para deputado federal Barros fez 80.025 votos, sendo o 19º entre os 35 mais votados do Estado.

Mas, eleição é uma caixinha de surpresas, o jogo só termina quando acaba, etc, etc.

Deixe uma resposta