Financiamento do BNDES no exterior burla licitação

de O Sul

Suspenso desde a Lava Jato, o financiamento de obras no exterior com recursos do BNDES, que agora o requentado governo Lula pretende adotar, bancando o gasoduto na Argentina, segue a fórmula malandra, turbinada nas primeiras gestões petistas, de transferir para empresas “amigas” montanhas de dinheiro do Tesouro Nacional sem licitação, sem fiscalização e sem controle. Chamada de “exportação de serviços”, a esperteza dribla a norma constitucional de aprovação prévia no Senado.

Carimbo ‘secreto’

O esquema iniciava em acordo do Brasil com o país beneficiado para “exportar serviços”. O acordo, claro, logo recebia a chancela: “secreto”.

Como faca no queijo

O BNDES não transfere o dinheiro para o país onde se realiza a obra e sim à empreiteira. No Brasil e em reais. Facinho assim, sem licitação.

Bye, bye, Brasil

Só em 2012, US$2,17 bilhões do BNDES foram pagos a empreiteiras brasileiras nesse esquema. Em 2013, até setembro, US$1,37 bilhão.

Dinheiro pelo ladrão

O BNDES vai dar “adeus” aos R$3,5 bilhões a serem gastos no gasoduto na Argentina, assim como no Porto Mariel, em Cuba, de valor idêntico.

Compartilhe
Leia Também
Comente

7 Comments

  1. Genildo

    Dinheiro transferido para empreiteiras amigas e que posteriormente retornam em forma de tríplex, sítios, doações “legais”, viagens para o outro lado do mundo em jatinhos, relógios, joias, obras de arte, enfim, já assistimos isso antes. Sabendo-se que não será julgado e nem preso, basta dizer que de nada sabia e “voilá!”, o STF cuidará de tudo. Amigos, correligionários, militantes apoiadores, marqueteiros, artistas, imprensa “independente” etc, etc, etc, retornamos 20 anos e assim entramos em um loop que certamente durará mais 20 anos e aí já foram 40 perdidos com essa praga chamada Loola e PT.
    Dói, mas se não cortarmos na própria carne vamos apodrecer de vez.

  2. Genildo

    Detalhe: a alteração de lei das estatais, criada no Governo Temer para proteger as empresas públicas do apetite voraz dos políticos, foi votada e aprovada na Câmara dos Deputados, não foi votada no Senado, consequentemente a assunção de Mercadante e Prates, no BNDS e Petrobrás, respectivamente, são ilegais pois contrariam a legislação vigente.
    PGR, TCU, OAB, STF, todos inertes………
    Nos próximos meses estatais de davam prejuízo nos governos do PT, passaram a dar lucros na gestão Bolsonaro, voltarão a ser deficitárias na gestão petista, mais uma vez.

  3. Satanás

    Tem razão! A Argentina deve fazer licitação internacional. Provavelmente ela vai conseguir gasoduto bem mais em conta contratando empresas chinesas em vez de fazer negócio com o Brasil. Afinal de contas, pra que defender os interesses nacionais, não é mesmo? Quá! Quá! Quá!

    1. Genildo

      O que a Argentina vai fazer é problema dela além do que, não optar por uma licitação internacional mais barata evidencia mais uma vez, um novo CALOTE ARGENTINO, e olha que ela já tem 10 e para consumar o décimo primeiro é fácil, fácil com o governo que tem aí.
      Defender interesses nacionais é preservar a integridade econômica de seu povo já que o fundo garantidor dos empréstimos a nações “amigas” (e caloteiras) do PT, é o TESOURO PÚBLICO (dinheiro dos impostos pagos por brasileiros). 
      Sabe dizer se já religaram a água do São Francisco para o povo?

      1. Satanás

        Durante a campanha de 2018, o seu adorável candidato, que já se escafedeu até do país, falava em abrir a caixa-preta do BNDES. Certamente ele e seu imbecil e corrupto Paulo Guedes abriram e nada encontraram. Agora vem os derrotados com a mesma balela. Perdeu, mané; não sobrou nem coturno pra lamber no Tiro de Guerra. Quá! Quá! Quá!

        1. Genildo

          Mas como não foi aberta? CALOTE da Venezuela e Cuba com dinheiro dos impostos dos brasileiros e liberados a mando de Dilma e Loola. É só ler e parar de lamber saco de ladrão.

          https://veja.abril.com.br/coluna/maquiavel/o-tamanho-do-calote-de-venezuela-e-cuba-no-bndes-dos-tempos-do-pt/

          O que PT e o “anuslotadus” fizeram? A culpa é do Bozo, ele não cobrou!

          Agora vai emprestar dinheiro dos brasileiros para um país quebrado e que ainda deve 47 milhões de dólares ao BNDES enquanto a Marionete Menezes Libera R$ 1 bi da lei Rouanet para artistas (https://www.correiobraziliense.com.br/diversao-e-arte/2023/01/5067119-ministerio-da-cultura-libera-rs-1-bilhao-para-projetos-da-lei-rouanet.html) e em contrapartida o governo cleptopetista suspende o crédito rural (https://diariodopoder.com.br/brasil-e-regioes/xwk-brasil/apos-lula-prometer-recursos-para-o-exterior-bndes-suspende-credito-rural)
          Agricultor que bateu recorde de produção em 2022, em 2023 vai plantar 30% da área e tem gente que nem vai plantar, calcário que custava R$ 135,00 a tonelada, hoje tá R$ 90,00 porque ninguém está comprando.
          É o que o melhor Ministro da economia falou mesmo: “pra virar uma Argentina são 6 meses, uma Venezuela, 1 ano e meio”.
          E tem que ser muito bem pago e canalha pra defender esse atual governo!

          1. Satanás

            Tá nervosa, filha? Tome um chazinho de camomila que passa. Quá! Quá! Qua!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Buscar
Anúncios
Paçocast
Anúncios