IPTU “mamão com açúcar” gera ação de improbidade contra Belinati

O promotor de justiça Renato de Lima Castro, de Londrina, anuncia que irá mover uma ação contra o prefeito Marcelo Belinati por improbidade administrativa. 

A bronca é o IPTU mamão papaia com açúcar do condomínio onde mora o prefeito. Por muitos anos, descobriu-se em janeiro, o prefeito e seus vizinhos de condomínio chique, o Village Premiun,  pagavam uma merreca de imposto, ao contrário da maioria dos pobres mortais contribuintes desta terra vermelha.

Em entrevista a folha de Londrina Renato de Lima Castro disse: “Na verdade, o prefeito apresentou como justificativa do projeto de lei (que aumentou extorsivamente o IPTU na cidade) e, também no período que antecedeu a apresentação deste projeto, que uma das finalidades era corrigir as distorções dos valores imobiliários na planta de valores, portanto, especialmente dos imóveis existentes em condomínios da cidade de Londrina. E é certo que ele e sua mãe pagavam um valor extremamente diminuto e ele tinha pleno conhecimento e o dever jurídico de noticiar a administração pública naquele momento, no ano passado, e determinar que fosse corrigida esta distorção, e promotor não o fez, portanto tem que responder por essa omissão dolosa”, afirmou o promotor.

Um comentário em “IPTU “mamão com açúcar” gera ação de improbidade contra Belinati

  • 13/07/2018, 11:35 em 11:35
    Permalink

    Há oncongruência no lançamento do IPTU do aposentado deputado estadual no apartamento central luxuoso?
    De Antonio Casemiro Belinati.
    Dizem os porteiros na padaria, que se comparado com o apartamento do não tão suntuoso e luxuoso vizinho edifício paga muito menos iptu que os outros londrinenses que moram ao lado?
    É a incongruência também?

    Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: