7 thoughts on “O Virus em Rede Nacional: Bolsonaro e suas controversas recomendações

  • 25/03/2020, 12:40 em 12:40
    Permalink

    Será que nāo percebe que é melhor falar menos !

    Resposta
  • 25/03/2020, 12:41 em 12:41
    Permalink

    Deixa o porta voz falar com a imprensa. FHC fazia assim.

    Resposta
  • 25/03/2020, 12:46 em 12:46
    Permalink

    O que o Bolsonaro quer dizer é que, na condição de “atleta”, ele está tranquilo para enfrentar o coronavírus. Mentira, presidente. O Bolsonaro pode encarar, pelo menos na TV, o vírus por muitos outros motivos além de ter sido “atleta”. Bolsonaro tem médicos à disposição 24 horas por dia, tem hospital garantido a qualquer momento, assessores aos montes para buscar remédio para ele quando precisar e, principalmente, fazer testes para detecção do vírus quando quiser. Aliás, ele já vai para o terceiro teste, quando já temos dezenas de mortos que, uma semana depois do passamento, continuam aguardando resultados de testes e muitos estão sendo enterrados sem qualquer testagem. Bolsonaro não é o presidente do país, é sua maldição.

    Resposta
    • 25/03/2020, 19:50 em 19:50
      Permalink

      O vírus do Ipiranga…

      Resposta
  • 25/03/2020, 16:26 em 16:26
    Permalink

    É fácil chamar os efeitos provocados pelo coronavírus de “gripezinha” quando não precisa começar pela tenda da UPA Sabará e acabar num corredor de hospital à espera de vaga na UTI.

    Resposta
  • 25/03/2020, 16:44 em 16:44
    Permalink

    Parece loucura, mas o Bolsonaro encontra seguidores importantes. O prefeito do Rio, por exemplo, está anunciando que vai autorizar a abertura das lojas de material de construção e conveniência. Depois ele libera os cultos na Igreja Universal.

    Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: