Pedágio será pela menor tarifa

Jonathan Campos – AEN

Depois de muita pressão, e esquivas pra todo lado, o governador Ratinho Jr, finalmente, desceu do muro. Hoje ele garantiu que a licitação do pedágio no Paraná, depois de negociações com o presidente Bolsonaro e o Ministro da Infraestrutura será pela menor tarifa sem limite de desconto na disputa na Bolsa de Valores, além da garantia de execução das obras por meio de um depósito caução e adequação no degrau tarifário das pistas duplicadas.

Enfim. Ratinho Jr atendeu a pressão de toda a sociedade que não aguenta mais ser espoliada pelas concessionárias de pedágio – aliás denunciadas por diversos crimes contra o Paraná. A Assembleia Legislativa, coisa rara, também teve participação efetiva nesta mudança de posicionamento.

Outro anuncio feito hoje é que Ratinho Jr não vai prorrogar os atuais contratos “um minuto sequer”.

A modelagem segue com mais de 3,3 mil quilômetros de rodovias concedidas, entre estaduais e federais, e 1,8 mil quilômetros de duplicações. O projeto prevê R$ 42 bilhões em investimentos nos próximos 30 anos, o que equivale a 120 anos do orçamento federal para rodovias aplicado apenas no Paraná.

É o maior pacote da América Latina e fará do Paraná um hub logístico do Cone Sul, segundo Ratinho Junior. Os atuais contratos de pedágio terminam em novembro.

One thought on “Pedágio será pela menor tarifa

  • 21/05/2021, 13:54 em 13:54
    Permalink

    Só quero ver o tamanho dessa “menor tarifa”…

    Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: