Presos vão ter que pagar por “adereços de tornozelo”

Tornozeleiras eletrônicas. Foto Jonas Oliveira/AENPr

Presos vão ter que pagar do bolso as “pulseiras de tornozelo”.

O governador  Ratinho Jr assinou decreto que regulamenta no Paraná a obrigatoriedade de os presos pagarem pelas tornozeleiras eletrônicas ou por eventuais despesas decorrentes de reparo ou manutenção dos aparelhos.

No Estado, cerca de 7 mil apenados que cometeram crimes de menor potencial ofensivo utilizam os equipamentos. O decreto foi assinado na quinta-feira (4). A medida vai gerar economia aos cofres públicos, visto que o Governo do Estado gasta R$ 241 por mês com cada tornozeleira eletrônica, ou R$ 1,7 milhão mensais.

Um comentário em “Presos vão ter que pagar por “adereços de tornozelo”

  • 10/04/2019, 11:28 em 11:28
    Permalink

    Medida só pra agradar a plateia do Datena e do Camargo. Ele sabe que o governador – nem que seja o filho do Ratinho – não tem poder para assinar esse tipo de decreto. Mas, se ele quiser economizar pra valer, então poderia também assinar um decreto obrigando os presos a pagarem diárias enquanto estiverem “hospedados” em prisões estaduais.

    Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: