Revirando os arquivos, aparece o nome de Eduardo Requião

Já dizia o ex-deputado Luiz Carlos Hauly, agora candidato a deputado federal nestas eleições pelo Podemos, que eleição é importante porque depura as almas. Traduzindo: é o momento em que tudo o que muita gente quer que seja esquecido, volta a ser lembrado. Os pecadilhos cometidos, reaparecem com intensidade.

Estava lendo no portal RICMAIS, que relembra o caso de Eduardo Requião, ex-superintendende do Porto de Paranaguá, nomeado pelo irmão então governador Roberto Requião.

Eduardo foi condenado a devolver R$ 26 milhões. Coisa pelo que se sabe, não fez até hoje.

A matéria mostra ainda outros detalhes interessantes desse imbróglio todo.

Leia a matéria completa aqui

Leia Também

Manifestações pela democracia em diversas cidades brasileiras

do G1 Estudantes, trabalhadores e integrantes de movimentos sociais e sindicais se reuniram, às 16h...

Novo presidente da Sociedade Rural será Marcelo Janene El-Kadre

Sábado (06/08) a Sociedade Rural do Paraná (SRP) instala uma Assembleia Geral Ordinária, onde serão...

Por enquanto Paraná tem 8 candidatos ao governo

O jornalista Esmael Moraes fez o levantamento e informa que, por enquanto, estes são os...

Comente!

guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments