15 medidas contra a crise

O deputado Luiz Carlos Hauly (PSDB-PR) conta que Temer o ouviu com atenção, quando recebeu sua lista de 15 propostas para a economia. Relator do Supersimples, Hauly defende uma reforma tributária que simplifique o sistema de arrecadação e reverta seu caráter regressivo, com a criação de um fisco federal e um estadual que incorporem os atuais impostos.

Menos impostos
Hauly propôs o fim dos impostos sobre medicamentos e alimentos, assim como a extinção do CARF. Na reforma previdenciária, ele defende o cálculo atuarial para fixar as idades de aposentadoria, bem como a adesão compulsória ao sistema privado a partir de 10 salários mínimos.

http://istoe.com.br/agua-por-todos-os-lados/

8 comentários em “15 medidas contra a crise

  • 30/05/2016, 13:35 em 13:35
    Permalink

    Hauly? Propostas contra a crise? Com a experiência do Governo Beto Richa? Então tá.

    Resposta
  • 30/05/2016, 14:04 em 14:04
    Permalink

    Só faltou utilizar essas medidas quando Secretário de Fazenda do Paraná sabidão.

    Resposta
  • 30/05/2016, 21:11 em 21:11
    Permalink

    Poxa! O Hauly podia também ir visitar seu líder governador, Beto Richa, e pedir o fim do ICMS sobre os 90.000 produtos que agora são taxados, inclusive alimentos. Ou será que o Hauly também está de olho no filé mignon que deve ser fatiado pelo Michel Cunha em breve? E tem os 142 cargos que cada deputado do PR que votou no golpe vai ter pra distribuir. Será que os deputados tucanos vão ter o mesmo tratamento?

    Resposta
  • 31/05/2016, 10:18 em 10:18
    Permalink

    Alô, Hauly! Quando você se reunir com o deputado Caio Márcio, seu companheiro tucano ai na Câmara, não se esqueça de levar umas esfirras e dar pro deputado Caio entregar pro pai dele que está em cana por corrupção.

    Resposta
  • 31/05/2016, 16:04 em 16:04
    Permalink

    É PRA RIRI,SERÁ QUE É O MESMO METODO PARANAENSE.

    Resposta
  • 01/06/2016, 19:35 em 19:35
    Permalink

    Os órfãos do Belinati, do Nedson, do Barbosa e de outros gafanhotos que arruinaram as finanças de Londrina, nunca irão se conformar com o reconhecimento do trabalho do Hauly. No seu período como Secretário da Fazenda, o Paraná foi o estado que mais avançou em arrecadação (mesmo sem aumentar impostos)e em atração de investimentos industriais e geração de empregos. Por pura má fé, insistem em criticar sua atuação na Fazenda, mas os números desmentem os opositores de sempre. Parabéns, Hauly pelo seu bom trabalho.

    Resposta
    • 02/06/2016, 20:46 em 20:46
      Permalink

      Cara, o Hauly foi mesmo um sucesso no período que foi secretário da Fazenda do honestíssimo Beto Richa. De 2010 a 2014, o patrimônio do Hauly, golpista tucano e aliado do honestíssimo Michel Cunha, foi de R$ 777.000,00 para R$ 1.357.000,00. Quer dizer, isso é o que o pai do Haulynho (empregão na Paraná Fomento de mais de R$ 20.000,00) declarou à Justiça Eleitoral. E não adianta contestar. Isso é a verdade.

      Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: