Acampamento na Copel

E em Curitiba bem nas calçadas da Copel SA, de frente aos bares badalados da Coronel Dulcídio, um acampamento chama atenção dos transeuntes: são os garimpeiros de Telêmaco Borba e região que faziam exploração nas areias do Rio Tibagi, antes da formação do lago da Usina de Mauá. O consórcio contratado pela Copel e Eletrosul para construir (Consórcio Cruzeiro do Sul) – com a empreiteira líder JMalucelli – ficou de pagar os trabalhadores impactados e desde 2014 a conversa mole se estende:

Agora o diretor presidente daquele Consórcio virou bambambã da Copel (Moacyr Bertol, ex Eletrosul, contratado por Ratinho Junior), mas não resolveu a questão dos garimpeiros e o acampamento fica entre as ruas Batel e Comendador Araújo, na frente da porta da estatal se energia, dirigida pelo neto do ex governador Paulo Pimentel.

One thought on “Acampamento na Copel

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: