Advogado de Cascavel falsifica documento e é preso pela Polícia Rodoviária Federal

Da CATVE

O advogado Jefferson Makyama foi preso com uma CNH (Carteira de Habilitação) falsa pela PRF (Polícia Rodoviária Federal) em Laranjeiras do Sul.
O flagra aconteceu na manhã desta quinta-feira (25) na BR 277, quando transitava no veículo Hyundai Veloster e apresentou o documento falso aos inspetores da PRF.
De acordo com a PRF, após consultar o sistema, foi constatado que a data de vencimento da carteira havia sido modificada de 2016 para 2019. Após a prisão, ele confessou que recortou o número “6” e colou na posição invertida no documento.
Ainda segundo a polícia, o advogado acúmulo uma longa ficha de infrações de trânsito. Ele teve a carteira de habilitação suspensa por dois anos em 2010, por ter sido flagrado dirigindo com o documento suspenso.
Além da suspensão que ainda não começou a cumprir, tem pendentes outros quatro processos do direito de dirigir, todos por ultrapassar o limite de 20 pontos em períodos de 12 meses.

Desde 2010, ele acumula pelo menos 26 infrações de trânsito, a maioria delas, 14, por excesso de velocidade. Outras cinco foram emitidas por avanço de sinal vermelho de semáforos, três por uso de telefone celular, três por estacionamento irregular e uma por dirigir com a habilitação suspensa.

Deixe uma resposta