Agora vai, Sercomtel contrata mais quatro advogados

Além de ter tempo e causídicos para processar este blogueiro e tentar implantar a censura às críticas neste meio de comunicação, a Sercomtel resolveu investir em Recursos Humanos: contratou mais 4 advogados.

Bom, fala-se em austeridade e dá-lhe contratações. Os 4 novos advogados que estavam na fila do concurso público custarão de salário e encargos patronais por advogado aproximadamente 10 mil reais mensais.
O que dará um total de 40 mil reais mensais, ou, 480 mil reais por ano, sem contar as futuras férias.
Diz o presidente da empresa Luiz Adati é que eles são necessários até para conseguir conter a enxurrada deações trabalhistas que a empresa vem enfrentando. Lógico, se pintar uma crítica mais ácida por aí de algum blogueiro, o grupo está à postos.

7 thoughts on “Agora vai, Sercomtel contrata mais quatro advogados

  • 05/07/2017, 13:09 em 13:09
    Permalink

    É piada pronta, fala verdade.
    Esses caras estão com piada.
    Adati, explica isso?

    Resposta
  • 05/07/2017, 13:35 em 13:35
    Permalink

    Cumprindoo promessa de campanha,acabar com o desemprego.

    Resposta
  • 05/07/2017, 15:40 em 15:40
    Permalink

    Engraçado… contar os advogados que saíram e não foram repostos ninguém quer, né?!
    Cadê o MP agora? Melhor não… hahshdubdbd

    Resposta
  • 05/07/2017, 17:18 em 17:18
    Permalink

    Pq não utilizar os cargos em comissão para isso?
    Tenha a paciência grande administrador Adati.

    Resposta
  • 05/07/2017, 21:28 em 21:28
    Permalink

    Chico, na iniciativa privada, em momentos de crise, o empresário enxuga a folha salarial e motiva seu quadro para que cada colaborador produza mais, este é o modo mais eficaz para superar as dificuldades. Trabalhando Mais!

    Por outro lado, se a necessidade é imediata, deve o gestor ponderar, como faz a dona de casa, que atende as demandas do lar de acordo com as disponibilidades do orçamento.

    O melhor seria contratar paulatinamente, monitorando o volume de serviço e a necessidade, ou não, de completar as vagas.

    Em tempos de crise, todo aumento de custeio deve ser milimetricamente calculado, sob pena do remédio virar veneno.

    Resposta
    • 06/07/2017, 12:20 em 12:20
      Permalink

      Fala a verdade, tá querendo a vaga do Presidente, né?
      Soluções Tabajara!!! Sabe tudo!

      Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: