Arrependimento, antes tarde do que nunca

Celso Nascimento – Gazeta do Povo

O presidente do Tribunal de Contas, Ivan Bonilha, informa que há 490 irregularidades no contrato da prefeitura de Curitiba com o Instituto Curitiba de Informática, o ICI. Coisas graves, gravíssimas, que começaram na gestão do ex-prefeito Cassio Taniguchi, há 17 anos, e se mantiveram nas de Beto Richa, Luciano Ducci e Gustavo Fruet. O Tribunal deu 45 dias para que agora se resolvam as 490 irregularidades.

O fato positivo da decisão é que ela configura um tardio – porém elogiável – arrependimento de Bonilha. Afinal, ele tinha o poder de corrigir as irregularidades, pois foi Procurador-Geral do Município por sete anos (gestões Beto Richa) e, por cinco, conselheiro do ICI.

Deixe uma resposta