Áudios revelam que Joel Malucelli, sogro de João Arruda, participou de divisão informal de lotes”

Da Gazeta do Povo/Via Blog do Tupan

Áudios colhidos no bojo da Operação Rádio Patrulha revelam que o empresário Joel Malucelli, primeiro suplente do senador Álvaro Dias (Pode), mesmo derrotado no processo licitatório ligado ao “Patrulha do Campo”, acabou participando da divisão informal dos lotes do certame.

Ontem, Malucelli foi denunciado pelo Gaeco pelos crimes de corrupção e fraude em licitação.

Se a denúncia for acolhida pela Justiça Estadual, o empresário passa a responder a uma ação penal, na condição de réu.

Nos áudios incluídos no inquérito criminal ligado à Operação Rádio Patrulha revelam que uma divisão informal das “patrulhas” gerou discussão entre os empresários.

Em conversa ocorrida em dezembro de 2013, Joel Malucelli fala que “menos de quatro patrulhas” não era vantajoso para ele e contesta os parceiros do negócio. No encontro, estão presentes, além de Joel Malucelli e Tony Garcia, os empresários Osni Pacheco (dono da Cotrans, falecido no final de 2015) e Celso Frare (dono da Ouro Verde).”

2 comentários em “Áudios revelam que Joel Malucelli, sogro de João Arruda, participou de divisão informal de lotes”

  • 26/09/2018, 09:37 em 09:37
    Permalink

    O JM não é apenas suplente do senador Álvaro Dias, ele foi o financiador da eleição do Álvaro Dias ao senado.

    Resposta
  • 26/09/2018, 13:34 em 13:34
    Permalink

    E JMalucelli é amigo de Requião, tiozão de Joaõ Arruda. tudo arrumado

    Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: