Belinati terá que devolver R$ 6 milhões de prejuizo causado à Sercomtel

da Redação Paiquerê

A sentença foi proferida nesta terça-feira (25). O juiz também anulou a venda de 2,4 milhões de ações proferidas da Sercomtel para o Banestado Corretora, o então banco do Estado do Paraná, realizada em 1998.O juiz da 1ª Vara da Fazenda Pública de Londrina, Marcos José Vieira, condenou o ex-prefeito da cidade Antonio Belinati a devolver R$ 6 milhões aos cofres públicos, em um processo que investiga irregularidades na venda de ações da Sercomtel.

Ainda segundo as investigações, a negociação provocou um prejuízo de mais de R$ 30 milhões em valores atualizados. Com isso, Belinati teve os direitos políticos suspensos por sete anos. O ex-prefeito negou as irregularidades no período das acusações.

Fraude em licitação de capina e roçagem
Em junho deste ano, o ex-prefeito já havia sido condenado a devolver mais de R$ 3 milhões aos cofres públicos, pelo superfaturamento na contratação de serviços de capina e roçagem entre a antiga AMA (Autarquia do Meio Ambiente) e a empresa Tâmara Serviços Técnicos.

Segundo o processo, em 1997, a AMA publicou edital de tomada de preço para contratar serviços de roçagem de 10 milhões de metros quadrados no perímetro urbano, ao preço unitário de R$ 0,018 o metro quadrado. Mas, foram preparados dois editais, visando serviço de roçagem em áreas urbanizadas e não urbanizadas, com valor estimado entre R$ 100 mil e R$ 300 mil.

Ex-secretários que atuaram junto com Belinati, à época, também foram condenados. Nesta ação, ele também foi condenado a oito anos de suspensão dos direitos políticos.

3 comentários em “Belinati terá que devolver R$ 6 milhões de prejuizo causado à Sercomtel

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: