Bolo partidário: veja a pacoteira de dinheiro que cada partido vai receber

do blog Boca Maldita

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) divulgou o valor do fundo partidário, que será usado pelos partidos no ano eleitoral de 2018. É bom o leitor se segurar na cadeira para não cair – o montante é de mais de R$ 1,7 bilhão, que serão divividos entre os 35 partidos existentes. Como sempre, MDB, PT e PSDB vão ficar com a maior fatia do bolo – R$ 234,2 milhões, R$ 212,2 milhões e R$ 185,8 milhões, respectivamente. PP, PSB, PR e PSD fecham a lista de siglas para receber os milhões acima de três dígitos – R$ 131 milhões, R$ 118,7 milhões, R$ 113,1 milhões e R$ 112 milhões.

Bolo II
O restante do bolo do fundo partidário será dividido da seguinte forma – sempre na casa dos milhões – DEM (R$ 89,1), PRB (R$ 66, 9), PTB (R$ 62,2), PDT (R$ 61,4), SD (R$ 40,1), Podemos (R$ 36,1) PSC (R$ 35,9), PCdoB (R$ 30,5), PPS (R$ 29,2), PV (R$ 24,6), PSOL (R$ 21,4) Pros (R$ 21,2), PHS (R$ 18), Avante (R$ 12, 4), Rede (R$ 10, 6), Patriota (R$ 9,9), PSL (R$ 9,2), PTC (R$ 6,3), PRP (R$ 5,4), DC (R$ 4,1), PMN (R$ 3,8) e PRTB (R$ 3,7).

Bolo III
Abaixo da casa dos milhões, com direito a R$ 980,6 mil estão PSTU, PCB, PCO, PPL, Novo e PMB.

Deixe uma resposta