Cambé também aumenta as restrições na cidade

Conforme o decreto, ficam proibidas aglomerações com mais de 25 pessoas em ambientes públicos e familiares como apartamentos, casas, condomínios, chácaras de lazer e similares, seja para festas, confraternizações, reuniões, atividades religiosas ou outro tipo de reunião de pessoas. Desta forma, fica reduzido à metade do limite estabelecido pelo governo do Estado.
Já no caso dos esportes coletivos, eles ficam proibidos de serem praticados em espaços públicos ou privados. O decreto prevê apenas uma exceção: campos e quadras poderão ser locados quando essa renda é a única da família proprietária do imóvel.

O decreto começa a vigorar nesta terça-feira (16) e vale até  dia 11 de junho.
“Novamente os números de contaminados, a taxa de transmissão e a taxa de ocupação hospitalar estão subindo e não podemos demorar a agir. Estamos tomando estas medidas por enquanto e vamos analisando os números. Se precisar, ampliaremos as restrições, se houver uma redução nos números, podemos flexibilizar. O importante é que todos sejam responsáveis e evitem aglomerações, que usem máscaras, enfim, que façam a parte que lhe cabe nesta batalha contra esse vírus”, apontou o prefeito Conrado Scheller. “Nosso objetivo é evitar a aglomeração por diversão e também preservar o que é sustento de famílias”, completou.

Deixe uma resposta