Centrão, de Roberto Jefferson, defende Canziani para o MEC

Da Coluna Radar/Veja

Cresce em Brasília a movimentação do Centrão para assumir o comando do Ministério da Educação. Lideranças passaram a defender o nome do ex-deputado Alex Canziani, filiado ao PTB de Roberto Jefferson, para a cadeira deixada por Abraham Weintraub. Canziani foi presidente da Frente Parlamentar da Educação e, em 2018, disputou uma vaga ao Senado.
Ele deve vir à capital federal nos próximos dias. Auxiliares palacianos, no entanto, não confirmam a intenção do presidente Jair Bolsonaro em nomeá-lo. Líder do governo, o deputado Vitor Hugo (PSL-GO) está confiante de que pode levar a melhor. Enquanto isso, o MEC está desde o dia 18 sem um ministro.

2 thoughts on “Centrão, de Roberto Jefferson, defende Canziani para o MEC

  • 08/07/2020, 20:57 em 20:57
    Permalink

    Ter um padrinho como o Bob Jefferson dá alguma chance ao Canziani. Principalmente porque Bob Jefferson está de noivado sério com o presidente da República. Estão revivendo os bons anos em que ambos estavam no PTB, aquele PTB do Mensalão. O problema são os pastores evangélicos que também querem abocanhar as verbas para a Educação. E os militares também.

    Resposta
  • 09/07/2020, 02:35 em 02:35
    Permalink

    Deus me livre dessa tremba?

    Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: