Cléber Tóffoli, Cidadão Honorário de Londrina, por merecimento

A Câmara de Vereadores de Londrina vai homenagear com o título de Cidadão Honorário da cidade um dos caras mais figuras que temos nesta terra vermelha.

?????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????É o professor, ex-vereador, ex-presidente do Londrina Esporte Clube, um apaixonado pela música sertaneja de raiz, um grande amigo: Cleber Tóffoli.
Lembro muito do Cléber, no Estádio do Café, sofrendo com o Londrina. Muitas vezes, quando o adversário cobrava falta próximo a área do Tuba, ele ficava de costas para o gramado, pra não sofrer, apenas aguardando a reação sonora da torcida. Figuraça.
É também o apresentador do programa de rádio Voz e Viola, há 24 anos no ar. Pouca gente no país conhece tanto de música sertaneja como o Cléber, que já divulgou e apoiou uma infinidade de duplasA honraria foi uma iniciativa do vereador Roberto Fú (PDT), subscrita por mais 14 vereadores e sancionada pelo prefeito Alexandre Kireeff (PSD) por meio da Lei n° 12.045/2014. A solenidade organizada pelo Legislativo terá início às 20h, na sala das sessões, com transmissão online por meio do site www.cml.pr.gov.br.

Cleber Toffoli nasceu em Recife (PE), em 6 de julho de 1947. A família mudou-se no ano seguinte para Jacarezinho (PR), onde o homenageado morou durante duas décadas e cursou o ensino fundamental e médio. Chegou a Londrina em 1968, em busca do ensino superior. Formou-se em Ciências Físicas e Biológicas pela Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Londrina em 1971 e em Matemática pela Universidade Estadual de Londrina (UEL) em 1974. Neste período também iniciou a carreira de professor do ensino médio, atividade que manteve até 1982.

Paixão – Apaixonado pela música sertaneja de raiz, realizou em 1990 o 1° Festival Sertanejo de Londrina” com participação das duplas Tião Carreiro e Pardinho, Pena Branca e Xavantinho, e o poeta João Pacífico, entre outros grandes nomes da música caipira. Em 1991 fundou a Confraria da Viola, composta por cantores, músicos, produtores musicais e apreciadores da música sertaneja e caipira que se reúnem em jantares e rodas de viola duas vezes por mês. Incentivado pela diretora do Festival Internacional de Londrina FILO, Nitis Jacon e pela diretora da Rádio Universidade FM à época, Maria Rosa Abelin, passou a produzir e apresentar em 1991 o programa de rádio Voz e Viola, inicialmente pela Rádio UEL e desde de 2001 pela emissora Igapó FM de Londrina.

0 thoughts on “Cléber Tóffoli, Cidadão Honorário de Londrina, por merecimento

  • 16/04/2015, 17:28 em 17:28
    Permalink

    Clebão é o cara…

    Resposta
  • 17/04/2015, 10:48 em 10:48
    Permalink

    Adorava esse programa quando morava em Londrina.

    Resposta
  • 17/04/2015, 12:39 em 12:39
    Permalink

    O Claudio não lembra do Professor Cleber Tóffoli no Colégio Marcelinho Champagnat. Bom professor de Matemática, boas lembranças daqueles tempos…

    Resposta
  • 17/04/2015, 12:41 em 12:41
    Permalink

    Opa. Parabéns Professor Cleber Tóffoli homenagem merecida.

    Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: