CMTU envia nota sobre Talonários

NOTA DA CMTU

É importante esclarecer aos leitores que, em todos os editais publicados pela CMTU para a contratação de serviços, é de praxe conceder preferência a microempresas e empresas de pequeno porte, medida que beneficia, diretamente, os empreendedores do município e da região.

Foi isso o que ocorreu, inclusive, no pregão que resultou no recrutamento da empresa DSIN, de Marilia/SP, realizado em 25/02/16. Na oportunidade, não houve a apresentação de organizações sediadas na região de Londrina.

A DSIN manifestou interesse pelo certame, que se mostrou extremamente vantajoso para os cofres do Município – já que a CMTU obteve redução de 7% no valor final do pregão. Apresentado à época com valor de R$ 49.920 mensais, o montante fechou em R$ 46.500 em 2016. Já neste ano, como foi noticiado, a partir do dia 15 de março o valor passa a ser de R$ 49.946,20 por mês.

Vale destacar que este contrato contempla o fornecimento de 45 dispositivos móveis do tipo PDA (palmtop); 45 impressoras térmicas portáteis; 45 licenças de uso de software para o registro de infrações; além de computador, servidor de aplicação, estrutura para backup, scanners e TV de LED com no mínimo 40 polegadas. Além dos softwares e equipamentos, a empresa é responsável pelo suporte técnico, treinamento dos servidores envolvidos no manuseio dos itens, manutenção periódica e preventiva dos aparelhos.

O programa utilizado precisa estar homologado junto ao DENATRAN e tem de ser integrado com o DETRAN. Isto, contemplando também os procedimentos referentes ao RENAINF, sistema para registro de multas para casos de infrações ocorridas em unidades da federação diferentes da que o condutor reside.

A prorrogação do contrato está previsto pela Legislação vigente e objetiva a não interrupção do serviço – imprescindível para as atividades de gerenciamento do trânsito em Londrina.

Assessoria de Comunicação – CMTU

2 comentários em “CMTU envia nota sobre Talonários

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: