Coletivo de sindicatos iniciam nova ofensiva contra vereador xingador

E a encrenca entre o vereador de Londrina Filipe Barros (PRB) e o Coletivo de Sindicatos está longe de chegar ao fim. Só para recordar, durante a greve geral ocorrida no primeiro semestre em protesto contra a Reforma Trabalhista e mais uma fieira de temas, Barros e alguns amigos dedicaram-se a alegremente circular pela cidade para xingar os manifestantes. 

O Coletivo de Sndicatos fez uma denúncia contra o vereador na Câmara e pediu a cassação do mandato do vereador. Porém a Câmara entendeu que uma reprimenda por escrito poderia resolver a questão. Não, nem chegou a chamar o vereador de feio, bobo ou comunista fora de época.

Mas o Coletivo achou que reprimenda foi pouco. Hoje de manhã os sindicalistas se reuniram e decidiram entrar com novo recurso à Câmara. “Trata-se de uma ação nula de pleno direito e por isso estaremos entrando com recurso junto à CML contra o encaminhamento do processo para a Comissão de Ética, pois o mesmo deveria ter sido encaminhado desde o início para a apreciação do plenário”, disse, Sandro Runkhe, porta-voz do Coletivo.

Além do recurso, também será realizada uma panfletagem no próximo sábado, das 9 às 13h no Calçadão (em frente ao Banco do Brasil), onde serão entregues materiais informativos sobre a  postura dos vereadores com relação ao caso.  “Estaremos esgotando as possibilidades junto a CML, no sentido de exigir a cassação do vereador. Caso isso não venha ocorrer, estaremos entrando com Mandado de Segurança e outras ações”, disse Runkhe.

2 thoughts on “Coletivo de sindicatos iniciam nova ofensiva contra vereador xingador

  • 22/08/2017, 18:42 em 18:42
    Permalink

    Especificamente, o que vem a ser “coletivo de sindicatos”?? É um sindicato de sindicatos, uma associação de sindicatos, um monte de sindicalistas reunidos…..???? É representado legalmente por quem?? Tem um líder especifico ou não tem liderança especifica? Pode ser interpelado judicialmente ou não????

    Resposta
  • 22/08/2017, 21:35 em 21:35
    Permalink

    O corporativismo prevaleceu graças ao câncer da Câmara, nobre vereador Jamil Janene. Te cuida Petrivi, esse servo do Marcelo vai te f…..r direitinho. Por quê, sobre o outro vereador que response processo o Jamileco não dá um Pio. Infelizmente essa casa só piora a cada legislatura.

    Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: