Como são generosos esses doadores de campanha

Do Antagonista
A historieta de Dilma Rousseff de que o PT recebeu dinheiro sujo, mas a sua campanha não, é desmentida também pela planilha que publicamos a seguir.

Ela mostra como a direção nacional do partido — leia-se João Vaccari Neto — repassou recursos volumosos da Andrade Gutierrez e Odebrecht, empreiteiras do petrolão, à campanha presidencial de 2014. Braskem e Usina Eldorado, que aparecem na planilha, são Odebrecht.

Da Andrade Gutierrez, foram repassados pelo menos 1.025.000 reais. Da Odebrecht e empresas do grupo, a campanha de Dilma Rousseff recebeu, via diretório nacional, pelo menos 5.132.500 reais.

(Vocês ficaram espantados com a generosidade da JBS? Nós também.)

Do blogueiro: Na planilha vemos a AMBEV usando ainda o CNPJ da cervejaria que funcionava no Bairro Aeroporto, em Londrina. Quem sabe sobra um ICMS a mais para a cidade, que não fabrica nenhuma cervejinha da poderosa sucessora da Skol (Londrina).

3 comentários em “Como são generosos esses doadores de campanha

  • 11/04/2016, 21:35 em 21:35
    Permalink

    O blog da AntaCorista pensa que seus eventuais leitores são débeis mentais. A JBS fez doação pra deus e todo mundo. Na primeira prestação de contas parcial, a Dilma recebeu R$ 10 milhões e o Aécio, R$ 11 milhões da JBS “do Lula”. A verdade é que as empresas só enfrentam problemas com a PF, o MP e o Moro quando fizeram doações eleitorais para o PT. Enquanto essas empresas só davam dinheiro para gente do tipo Cunha, Beto Richa, José Serra, Aécio e outros assemelhados não tinha problema, era tudo legal, tudo ético.

    Resposta
  • 12/04/2016, 17:11 em 17:11
    Permalink

    A Márcia Lopes é a irmã do Gilberto de Carvalho?

    Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: