Chefe da segurança da Itaipu é preso na Operação Eros, venda de remédios proibidos

Da Band News

A Policia Civil realiza, nesta quinta-feira (08), uma operação simultânea nos estados do Rio de Janeiro e Paraná para desarticular uma quadrilha que comercializa remédios proibidos, controlados e ilegais.

Quatro pessoas foram presas. Bruna Medeiros Boechat e Paulo Jardel Cavalcante Espíndola foram detidos em Maricá, na Região Metropolitana, e Flávia Conceição e o coronel da reserva da PM Antônio Sérgio Marsola foram encontrados em Foz do Iguaçu.

Segundo as investigações, ele é coordenador de segurança da Usina Hidrelétrica de Itaipu e já ocupou o cargo de chefe de Gabinete da Prefeitura de Bauru, em São Paulo. Denominada Eros, a ação foi desencadeada a partir de um inquérito que identificou os responsáveis por vender pela internet medicamentos de uso controlado ou proibido.

Entre os remédios apreendidos estão abortivos, estimulante sexual, ansiolítico, rebite usado por caminhoneiros, inibidores de apetite, anfetaminas, anabolizantes e antibióticos. A polícia acredita que a quadrilha atuava desde 2006 e movimentava pelo menos cento e cinquenta mil reais por mês. No site criado pelos criminosos, eram comercializados medicamentos para todo o País.

Os indiciados vão responder por tráfico de drogas, crimes contra a saúde pública e lavagem de dinheiro.

Um comentário em “Chefe da segurança da Itaipu é preso na Operação Eros, venda de remédios proibidos

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: