Corregedoria revela números parciais da “Operação Publicano”

Olha o tamanho do preju. A Corregedoria da Receita Estadual do Paraná investiga 25 empresas e 15 auditores fiscais, da Operação Publicano. Até agora, os autos de infração teriam passado de R$ 90 milhões. A Operação Publicano investiga o pagamento de propina de empresários aos auditores fiscais, para que eles não fiscalizassem o recolhimento de impostos estaduais, principalmente o ICMS. Multas serão aplicadas as empresas que deixaram de pagar os impostos.

Deixe uma resposta