Crimes não, erros, diz Dilma

Ontem, após receber a notícia sobre o seu afastamento a presidente Dilma Rousseff deu uma declaração a jornalistas. Ela afirmou que pode ter cometido erros, mas não crimes e que por isso está sendo julgada injustamente em processo em que ela denomina “Golpe”. Ela confessou “Sofro agora uma dor inominável da injustiça. Jamais desistirei de lutar”.

Deixe uma resposta