Decisão da Amepar recomenda que prefeitos comecem a abrir o comércio aos poucos

Reunidos agora de manhã em Londrina, prefeitos dos 22 municípios da Associação dos Municípios do Médio Paranapanema decidiram, não por unanimidade, começar a flexibilizar a abertura do comércio e indústria a partir de segunda-feira.

O presidente da Amepar, Sérgio Onofe, prefeito de Arapongas, disse que os prefeitos pretendem respeitar a peculiaridade de cada cidade e encontrar o melhor caminho.

“Em Arapongas estamos recomendando que todos os funcionários usem máscaras, que tenha um tapete na entrada dos estabelecimentos para higienizar os calçados, disponibilização de alcool em gel, limitação de pessoas, e funcionário na porta para controlar o acesso de clientes e evitar aglomerações”, disse.

E há casos em que a população está mais assustada, como por exemplo em Primeiro de Maio onde uma pessoa morreu devido ao coronavirus. “A Bruna Casanova, prefeita da cidade, terá que ponderar com sua equipe e ver o que é melhor para a cidade”.

Sobre o Ministério Público que em várias cidades o MP tem recomendado a manutenção do isolamento social, Onofre disse que terá que ser discutido caso a caso.

 

3 comentários em “Decisão da Amepar recomenda que prefeitos comecem a abrir o comércio aos poucos

  • 09/04/2020, 13:53 em 13:53
    Permalink

    O prefeito de Arapongas está é fazendo “criame” de coronavírus na sua cidade com essas medidinhas de prevenção mas com a liberação do funcionamento do comércio. A cidade, que já tem 8 casos confirmados e 241 pacientes em isolamento domiciliar (segundo sua Secretaria de Saúde), verá em breve explodir a pandemia. E alguém pergunte pro prefeito, o amigo do corona, se a cidade está preparada pra cuidar desses doentes. Dos dois hospitais da cidade, um está capengando financeiramente há muito tempo. O prefeito de Arapongas e dos outros municípios que decidiram fazer um agrado para suas associações comerciais e seus associados empresários devem estar contando com o HU de Londrina…

    Resposta
  • 09/04/2020, 14:09 em 14:09
    Permalink

    Acabo de ler num portal londrinense: “Amepar determina reabertura do comércio no dia 13; Londrina anuncia decisão nesta quinta (9)”. Alguém entendeu que a Amepar “recomenda” mas teve gente que entendeu que a Amepar “determina”. Neste caso, cá entre nós, a turma do Bolsonaro que controla a Amepar quer mesmo é o comércio e a indústria funcionando a todo vapor. Não interessa a eles quantos vão morrer nas próximas semanas quando o pico da contaminação vier a ocorrer no Paraná. Atenção, Ministério Público do Paraná, ou seus procuradores vão pra cima dessa cambada que controla a Amepar ou vocês serão coniventes com a tragédia que está por vir provavelmente em 3 ou 4 semanas. A gente espera que o MP continue agindo como agiu em Rolândia onde o prefeito disse que não tinha problema abrir o comércio porque ele tinha comprado 12 mil cápsulas de hidroxicloroquina. Parece piada mas não é.

    Resposta
    • 09/04/2020, 16:16 em 16:16
      Permalink

      Houve uma recomendação. Cada prefeito decidirá o que fazer em sua cidade.

      Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: