Deve ser só mera coincidência… ou não!

lu

Foi só eu dizer que a campanha eleitoral estava fria e me mandam a foto acima, do pré-candidato a prefeito do PMN de Londrina, Luciano Odebrechet, alegrando a paisagem de quem passa pela avenida Madre Leônia Milito, região sul da cidade.

Deve ser coincidência o painel estar lá em véspera de eleição.

Como diriam os torcedores do Atlético Mineiro: “Eu acredito”!!!

8 comentários em “Deve ser só mera coincidência… ou não!

  • 02/06/2016, 09:50 em 09:50
    Permalink

    Esse cara tá com gozação. Nem começou a campanha e deu duas pisadas de bola. O símbolo do Lula e agora essa. Ai de nóis….kkkkkkk. Temos o que merecemos.

    Resposta
  • 02/06/2016, 13:15 em 13:15
    Permalink

    Merece uma denúncia na Justiça Eleitoral.A cara não respeita as regras e quer ser prefeito. Não dá.

    Resposta
  • 02/06/2016, 14:30 em 14:30
    Permalink

    Engraçado paçoca o seu candidato faz propaganda direto fica… Se num fala nada

    Resposta
  • 02/06/2016, 16:12 em 16:12
    Permalink

    A propaganda eleitoral ilícita há que ser aquela em que o pré-candidato atua como se candidato fosse, visando influir diretamente na vontade dos eleitores, mediante ações que traduzem um propósito de fixar sua imagem e suas linhas de ação política, em situação apta, em tese, a provocar um desequilíbrio no procedimento eleitoral relativamente a outros candidatos, que somente após as convenções poderão adotar esse tipo de propaganda.

    Resposta
  • 02/06/2016, 16:14 em 16:14
    Permalink

    A propaganda eleitoral consiste em qualquer ato que leve a conhecimento público uma candidatura ou razões pelas quais o candidato seria o mais apto para ocupar o cargo público eletivo em questão, ainda que de modo indireto ou dissimulado.

    Resposta
  • 02/06/2016, 16:14 em 16:14
    Permalink

    Com a palavra a Justiça Eleitoral.

    Resposta
  • 02/06/2016, 19:09 em 19:09
    Permalink

    Aqui em Rolândia o atual prefeito fez campanha durante dois anos. Eram textos em jornais e revistas de circulação local, foto grande com ares de candidato, nas redes sociais, entrevista em rádio, reuniões em associações e clubes sociais.
    Ninguém falou nada. Quem era desavisado, achava normal, quem tem malícia política percebeu a propaganda escancarada. Porém, o mesmo nunca se anunciou como candidato e sim como pré-candidato.
    Nos EUA a campanha começa antes do período da candidatura, no anuncio da pré-candidatura. Não sei porquê ser assim no Brasil. Fica a pré campanha disfarçada. Luciano, ce tá certo. Use e abuse dos meios que lhe são possíveis. Afinal de contas, quem tem mandato fica em campanha durante quatro anos, e as nossas custas.

    Resposta
  • 04/06/2016, 10:34 em 10:34
    Permalink

    Tem que denunciar na Justiça mesmo. Ensina pra ele que Lei é pra ser respeitada. Haaaa ele é advogado.

    Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: