Dono da empresa que faz coleta de lixo em Cornélio e várias cidades brasileiras vai pra cadeia

do blog do Odair Matias

Dono da Seleta e funcionários da empresa foram presos durante a Operação Purgamentum, deflagrada nesta quinta-feira (9) pelo Gaeco no interior de São Paulo e Minas Gerais.

Justiça de Minas Gerais determinou o bloqueio de R$ 11,6 milhões da Seleta Tecnologia Ambiental, com sede em Ribeirão Preto (SP), e da Filadelfia Locação e Construção, de Monte Alto (SP), por suspeita de fraude em licitações de coleta de lixo e limpeza urbana.

Ambas as empresas são detentora de contratos com prefeituras paulistas e mineiras, investigados pela Operação Purgamentum. Dono da Seleta, o empresário Jorge Saquy Neto foi um dos 15 presos na manhã desta quinta-feira (9) por suspeita de envolvimento no esquema.

O advogado Samuel Sollito de Freitas Oliveira, que representa Saquy Neto, a empresa Seleta e ainda o funcionário Fernando Gonçalves de Oliveira, preso na Operação, disse que ainda não teve acesso ao processo e, por esse motivo, não vai se manifestar sobre o caso. (leia mais)

One thought on “Dono da empresa que faz coleta de lixo em Cornélio e várias cidades brasileiras vai pra cadeia

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: