E o estudo?

Zé Beto/Do correspondente em Brasília

A entrega do estudo gratuito do paulista Instituto Semeia (http://www.semeia.org.br/relatorio2018/), publicada no fim daquele ano, revelou o plano de concessões para iniciativa privada dos parques do Monge (Lapa) e Guartelá (Tibagi) e Ilha do Mel (Pontal do Paraná) – mas até agora nada. A pressa da atual administração foi para a concessão única do Parque Estadual de Vila Velha por 30 anos. Quem ganhou foi o consórcio liderado pela empresa do ex-deputado federal Eduardo Sciarra (PSD), que tem uma parcela das Cataratas do Iguaçu. Este detalhe não passou desapercebido por quem entende do assunto, já que Fernando Paiva Pieroni – presidente do Semeia – trabalhava nos assuntos regulatórios da Acende Brasil, que fornecia estudos e análises aos parlamentares federais na época de Sciarra.
Outro detalhe é que a sócia na privatização da visitação do Parque Nacional do Iguaçu, a empreiteira Tucumann, de José Maria Muller, deixou de figurar como parceira na administração de Vila Velha. A fixação dos empreiteiros por concessões de parques no Paraná são dos tempos de Cecílio Rego Almeida, que administrava o elevador nas Cataratas do Iguaçu desde a época do finado IBDF.

2 thoughts on “E o estudo?

  • 27/01/2020, 14:14 em 14:14
    Permalink

    Vão privatizar o Parque Estadual de Ibiporã?
    O do Parque Estadual da Mata do Godoy?

    Resposta
  • 27/01/2020, 19:39 em 19:39
    Permalink

    O governo vai levar a sério quando o estudo vier do Instituto Mete Fogo no lugar do Instituto Semeia! Se bem que esse Instituto Semeia parece ser adepto de concessões pro setor privado em vez da boa semeadura de cuidados a favor de nossos parques naturais.

    Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: