É uma derrota para o GAECO do Paraná

A decisão do ministro Gilmar Mendes sobre a Operação Publicano significa a maior derrota do GAECO  do Paraná na maior Operação da história no Estado. Significa que tudo o que foi feito a partir da delação do ex-auditor fiscal Luiz Antonio de Souza, desde o recebimento das denúncias terá que ser declarado ilícito inviabilizando todas as acusações, afetando até a improbidade administrativa.

O juiz Juliano Nanuncio, quando prestou esclarecimento ao STF também deixou claro que uma decisão assim afetaria todas as fases da Publicano.

Sempre lembrando que a Justiça já trancou várias ações de fases da Publicano.

3 thoughts on “É uma derrota para o GAECO do Paraná

  • 25/08/2020, 17:51 em 17:51
    Permalink

    Da próxima vez é só fazer certinho, né? Qualquer um pode falar qualquer coisa quando “constrangido”… talvez tenha sido o caso do tal Luiz Antonio, que para se livrar das acusações tentou “jogar no ventilador” contra tudo e contra todos, talvez atingindo alguns (ou muitos) inocentes…

    Resposta
  • 25/08/2020, 19:19 em 19:19
    Permalink

    Poderia posta aqui, nobre blogueiro, a vitória de Londrina no combate a corrupção policial. Os sete civis presos pelo mesmo juiz, perante a caneta do ministro Fachin, estão empepinados. Vão continuar no xalindró. Amigos de alguns influentes jornalistas continuam na CADEIA. Alo vertinho…..

    Resposta
  • 25/08/2020, 20:12 em 20:12
    Permalink

    Barbeiragem, meu irmão, barbeiragem… O que diz a lei? Se um cagueta assina acordo de colaboração premiada e volta a cometer crime, o acordo é rescindido, anulado Simples assim. Mas o MPE e seus geniais procuradores fazem o quê? O cagueta volta a cometer crime e o MPE faz novo acordo, um aditamento. Quá! Quá! Quá! Se essa barbeiragem já salvou a pele do Beto Richa (que havia sido caguetado e com provas materiais: até nota fiscal de reforma de comitê eleitoral do tucano em Londrina foi apresentado pelo delator), por que não salvar a pele dos outros mortais? Daqui a pouco essa turma do MPE vai estar aposentada com gordas aposentadorias e tudo será esquecido… menos no Google!

    Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: