Elogio é bom, mas veja bem se acrescenta ao currículo

No momento turbulento da política brasileira, com tantas denúncias contra tantos políticos, receber elogio de um dos caras mais citados na Operação Lava Jato, pode não ser exatamente bom para o currículo.

Mas, vamos lá. O presidente nacional do PSDB, senador Aécio Neves, elogiou a aprovação, pelo Senado, da indicação da procuradora de Justiça a londrinense Maria Tereza Uille Gomes para compor o Conselho Nacional de Justiça (CNJ).

Aécio, que foi relator da indicação de Maria Tereza na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Casa, afirmou que a experiência da procuradora a qualifica para exercer um trabalho à altura dos desafios do país.

“Tive a honra de relatar este processo. A sua história de vida, a sua dedicação, sobretudo à questão prisional no Brasil, e a sua experiência no Poder Público, no Estado do Paraná, ao lado da sua formação intelectual, permitirão, tenho certeza, que a Câmara dos Deputados e o Congresso Nacional, em última instância, tenham no Conselho Nacional uma representação à altura das expectativas do País. É um nome altamente qualificado para o Conselho Nacional de Justiça”, afirmou Aécio Neves, no plenário do Senado.

One thought on “Elogio é bom, mas veja bem se acrescenta ao currículo

  • 27/04/2017, 11:09 em 11:09
    Permalink

    Um político que acabou de receber proteção de um ministro do STF para não ser incomodado pela Polícia Federal só deve ter mesmo muitas palavras de elogio a membros da justiça brasileira.

    Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: