Em Londrina, a greve continua

Apesar do acordo de ontem, na região de Londrina a greve dos caminhoneiros continua.

Ontem algumas faculdades suspenderam as aulas.

Hoje, poucos carros nas ruas.

 

4 comentários em “Em Londrina, a greve continua

  • 25/05/2018, 14:23 em 14:23
    Permalink

    Pelo jeito, a “greve” (na verdade locaute) dos caminhoneiros já era! Temer vai usar as forças militares para pôr ordem na casa. Depois de muitos caminhoneiros pedirem intervenção militar, eles vão ter!!!

    Resposta
  • 25/05/2018, 14:32 em 14:32
    Permalink

    Poucos carros nas ruas… Poucos clientes nas lojas… É o cenário que deve fazer a Acil e os lojistas que fecharam as portas para pedir o impeachment da Dilma bem felizes. Quá! Quá! Quá!

    Resposta
    • 25/05/2018, 21:11 em 21:11
      Permalink

      Há de se tirar o chapéu; a Dilma conseguiu isso sem precisar de uma greve dos caminhoneiros!

      Resposta
  • 25/05/2018, 14:45 em 14:45
    Permalink

    Será que vai aparecer algum comandante militar dizendo pro Temer; “Os caminhoneiros é problema seu e do Parente. Se virem!”. E será que em alguma região militar vai aparecer algum sargento meio doido apoiando os caminhoneiros em vez de mandar eles picarem a mula, pegar o rumo de casa, limpar a área? Vixe, gente…

    Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: