Empresa de Maringá

PLC Projetos e Engenharia – Claudrei Priuli, do Jardim Catedral em Maringá, irá fazer os projetos de videomonitoramento de lugares públicos em Londrina. Foi a convidada a disputar o certame da Secretaria de Obras e o prazo para outras divergirem terminará hoje:

RESULTADO DE HABILITAÇÃO EM MODALIDADES TRADICIONAIS

FASE DE HABILITAÇÃO REFERENTE A CONVITE Nº CC/SMGP- 0012/2018 OBJETO: Elaboração de projetos completos de alarme monitorado e vídeo-monitoramento do entorno (externo) de locais públicos, em Londrina/PR.

Após análise pelo engenheiro responsável da SMOP dos documentos técnicos e os demais documentos enviados pelas empresas, em atendimento ao prazo do art. 48, parágrafo 3º da Lei 8.666/93. a comissão de licitação, decidiu o que segue: HABILITAR A EMPRESA abaixo por atendimento do edital nos termos seguintes:

CLAUDREI PRIULI, por atender as condições editalicias;

As demais decisões desta comissão permanecer inalteradas. Fica aberto o prazo de recurso da fase de habilitação que termina em 24/01/2019.

Londrina, 21 de janeiro de 2019.

Celso Guaita, Presidente da Comissão Permanente de Licitação, Lincoln Bacelar Alves, Membro da Comissão Permanente de Licitação, Mara Carreira, Membro da Comissão Permanente de Licitação

2 comentários em “Empresa de Maringá

  • 24/01/2019, 17:14 em 17:14
    Permalink

    Belinóti que se cuide. De algoz do colarinho branco pode virar réu da gang do tio Bila.

    Resposta
  • 24/01/2019, 19:06 em 19:06
    Permalink

    Até sec de governo indicado por Ricardo Barros.

    Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: