Enquanto isso, o aeroporto de Londrina…

Enquanto Londrina quer emprestar mais dinheiro público para terminar as desapropriações, dona Dilma corta orçamento do Infraero e o TCU ataca a gestão da empresa de infraestrutura aeroportuária pelo bilionário déficit. Poderemos estar no futuro com dívidas a pagar e a Infraero sem condições de investir numa bela troca para a cidade. E outro problema são as casas em condomínios próximos do Hospital Universitário, onde moradores já ‘reclamam’ docemente do incômodo do barulho dos aviões: daqui a pouco farão abaixo assinados para reduzir a operação do aeroporto, como ocorreu em Congonhas (SP) e Bacacheri (PR).

E o investimento público vai pra água abaixo. As companhias aéreas então ajudam e reduzem frequências, como a TAM que cortou agora o vôo das quartas (sem explicação plausível) para Guarulhos – JJ 3397, mas a Azul anuncia, somente para a temporada de férias, a rota direta a Florianópolis (SC) e Foz do Iguaçu, mas eliminou a de Recife (PE) aos sábados.

Deixe uma resposta