Ex-auditora fiscal diz que “culpa” é dos empresários que ofereceram propinas

A auditora fiscal da Receita Estadual, Rosângela Semprebom – que é uma das delatoras na Operação Publicano -, jogou a culpa da propina e da sonegação fiscal nos empresários. Ela é irmã do delator, Luiz Antônio de Souza, e está em prisão domiciliar usando a tornozeleira eletrônica. Rosângela disse que era natural empresários procurarem os auditores e oferecer dinheiro para evitar possíveis autuações. Ela confirmou nomes de empresas que participaram do esquema, inclusive tendo recebido R$ 300 mil  de duas empresas.

Um comentário em “Ex-auditora fiscal diz que “culpa” é dos empresários que ofereceram propinas

  • 10/03/2016, 10:53 em 10:53
    Permalink

    ME DEU REVOLTA OUVIR NO FÓRUM O DEPOIMENTO DESSE PESSOAL, CRIARAM UMA ORGANIZAÇÃO CRIMINOSA PARA ROUBAR. ESTA SENHORA E SEU IRMÃO FALARAM COM A MAIOR NATURALIDADE SOBRE O RECEBIMENTO DE PROPINA.PARA ELES A EXCEÇÃO SERIA SER HONESTO.MUITO TRISTE PARA TODOS NÓS ASSISTIR FUNCIONÁRIO PÚBLICO CONFIRMANDO O ACHAQUE E O RECEBIMENTO DE PROPINA. AONDE ESTÁ A ÉTICA, MORAL E O PATRIOTISMO.QUE EDUCAÇÃO ESSE PESSOAL IRÁ TRANSMITIR PARA OS SEUS FILHO, NETOS E FAMILIARES.

    Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: