Executivo Fora de sintonia

Enquanto Henrique Meirelles não para de repetir que o controle de gastos é prioridade número um de gestão, o seu colega da Saúde, Ricardo Barros, insiste no aluguel de um prédio em Brasília para 4 mil servidores da Pasta. Tal requisito no edital, inclusive, restringe as opções. Mesmo com o aperto, o ministro não abre mão de ter um gabinete na cobertura do desejado edifício.

One thought on “Executivo Fora de sintonia

  • 18/10/2016, 22:31 em 22:31
    Permalink

    deve ser dele ou da familia o predio, esta ja deveria estar preso a muito tempo.

    Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: