Fala aí Nelson Justus, demorou pro TJ começar a trabalhar no seu caso né!

Enfim o Tribunal de Justiça do Paraná (TJ-PR) aceitou a denúncia feita pelo Ministério Público do Paraná (MP-PR) contra o deputado estadual Nelson Justus (DEM). Ele agora é réu, acusado dos crimes de corrupção, formação de quadrilha, lavagem de dinheiro, falsificação de documentos e por peculato. Justus nega as acusações e afirma que vai provar sua inocência. Justus foi denunciado na década passada pelos jornalistas James Alberti e Karlos Kolbach, da Gazeta do Povo, no caso conhecido como Diários Secretos.

2 thoughts on “Fala aí Nelson Justus, demorou pro TJ começar a trabalhar no seu caso né!

  • 09/11/2016, 10:59 em 10:59
    Permalink

    Até que enfim mesmo. E o Conselho de Ética, não vai mexer uma única palha? Se o cara roubou descaradamente tem que perder o mandato.

    Resposta
  • 09/11/2016, 11:14 em 11:14
    Permalink

    Meu DEUS, meu DEUS, acende a luz da Decência, da Moral e da Ética na gloriosa ALP.

    O presidente do conselho de ética e decoro parlamentar é nada menos do que o pastor Edson Praczyk, que está sendo investigado pelo MP.
    O presidente da comissão de Constituição e Justiça, pasmem paranaenses, é JUSTAMENTE o senhor Nelson Justus.
    PELO AMOR DE DEUS, isso é um deboche, um escracho na cara da população que paga o salário destes representantes do povo.
    Alguém tem que tomar uma providencia, será que não tem nenhum deputado de saco roxo nesta Assembléia para tomar uma atitude.
    Fala Requiãozinho, faça alguma coisa Tercílio Turini, faça por seus eleitores, por Londrina, pelo Paraná.

    Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: