Frente Parlamentar contra o Pedágio

Um grupo de deputados estaduais lançou hoje de manhã a Frente Parlamentar contra a prorrogação dos contratos de Pedágio no Paraná. Requião Filho (PMDB), líder da oposição na Assembleia Legislativa questionou o motivo do governo estadual estar demonstrando interesse em antecipar a renovação dos atuais contratos com as concessionárias.

“Encaminharemos um documento ao Ministério Público Federal pedindo providências para que sejam investigadas as obras executadas por empresas terceirizadas às concessionárias e apresentadas nas planilhas. Há suspeitas, e grandes indícios de superfaturamento destes valores apresentados nas planilhas que servem como desculpa atualmente para elas aumentarem o valor do pedágio. Isto tudo sem contar os aditivos que elas exigem, sem sequer terminar as obras previstas em contrato. Depois usam isto na justiça como desculpa para manterem o atual modelo de cobrança. Nós temos, aqui ao lado, em Santa Catarina, um modelo de pedágio eficiente e barato, implementado pelo Governo Federal. Por que este modelo assusta tanto as concessionárias do Paraná e o Governo do Estado? Por que seis anos antes do término dos contratos propõem debater a renovação daquilo que é, incontestavelmente, prejudicial para os produtores, para a população, para a economia do Paraná?”, disse o parlamentar.

Deixe uma resposta