Fundador do PT de Londrina pede desfiliação do partido

Osvaldo Lima, no lançamento de seu livro sobre Administração de Condomínios

O primeiro candidato do PT à prefeitura de Londrina, lá em 1982, o contador e empresário Osvaldo Lima, pediu a desfiliação do partido e deve filiar-se a outra sigla.

Lima fundou o PT de Londrina, Jaguapitã, Astorga e Cornélio Procópio e do diretório do Paraná, além de ter participado da primeira pre-convenção nacional do partido.

“Acho que Lula deveria ouvir o PT. A Marta era senadora, saiu do PT, xingou o PT de ladrão, votou pelo impeachment da Dilma e aliou-se ao Temer. Lula chamou-a de volta para ser possível candidata a prefeita de São paulo. Imperdoável. Ele faz essas amarradas que só dá trabalho aos militantes para ficarem explicando. Até o Maluf já foi “aliado”, disse Lima.
Segundo ele um dos principais motivos que o levou a tomar essa decisão foi que o proposito original do PT era bem outro. “A eleição seria um meio e não um fim. A organização da classe trabalhadora era o alvo. Com o tempo as eleições passaram ser a meta. Para isso alianças mais absurdas aconteceram. Em vez de conscientizar o povo por uma ideologia usou-se a questão econômica como escudo. Achava-se que, com um avanço no consumo, o partido seria reconhecido. Bastou um pequeno retrocesso econômico no segundo mandato da Dilma para a classe média e até os pobres pedirem seu afastamento. Em contrapartida, votaram no que há de pior na política, um imbecil”, disse Lima.
Osvaldo Lima disse que está conversando com o PCdoB mas tem muita simpatia pelo PSOL.

 

 

 

2 thoughts on “Fundador do PT de Londrina pede desfiliação do partido

  • 04/02/2020, 19:59 em 19:59
    Permalink

    Pretende trocar o PT pelo PCdoB mas se simpatiza pelo PSOL……….negocião hein, melhor que isso só mesmo se trocar um Fiat 147 por um Lada Samara……

    Resposta
  • 05/02/2020, 23:25 em 23:25
    Permalink

    As Bolsas Mundiais estremeceram.
    Lula mandou Gilberto Carvalho falar com o emérito.
    Nedson está inconsolável no bar do Paulista.
    É o fim do ciclo e começo do Odarlone Orente como o manda chuva.

    Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: