Gestão de Jardins Botânicos do Brasil

Da assessoria

Nas últimas décadas, os jardins botânicos, espaços protegidos onde a pesquisa botânica e ciências afins têm seu berço e desenvolvimento, tornaram-se centros de importância para a conservação da biodiversidade, passando a intensificar ações para promover, junto aos visitantes, a percepção dos impactos da ação humana sobre o meio ambiente e a consciência sobre os efeitos negativos da perda da biodiversidade, motivando-os a participar de um ciclo de desenvolvimento sustentável.

Pensando nas ações de preservação, bem como na necessidade de sustentabilidade dos Jardins Botânicos, a Secretaria de Meio Ambiente do Estado do Paraná promove o Fórum sobre Jardins Botânicos do Brasil, para a realização de troca de Modelos de Gestão já consolidados, desafios e experiências que podem contribuir para o aperfeiçoamento de todos.

Programação

Dia 11 de abril de 2018

Local: Parque de Exposições Ney Braga – Londrina, PR

Estação do Turismo e Meio Ambiente Público alvo: estudantes, professores, técnicos de meio ambiente, técnicos de gestão de uso público, biólogos, engenheiros florestais, agrônomos, especialistas e interessados em geral. 13:30 – Abertura: Antonio Carlos Bonetti – Secretário de Estado do Meio Ambiente 13:40 – Apresentação do Projeto original do Jardim Botânico de Londrina – Arquiteta Michelle Poitevin; 14:10 – Espaço para perguntas 14:20 – Apresentação Modelos de Gestão por concessões e Parcerias – CCP/SEPL – Murilo Noronha da Luz e Marcus Gualberto Ganter de Morura 14:50 – Espaço para perguntas 15:10 – Coffee Break 15:30 – “Faxinal do Céu, um Jardim Botânico no Setor Elétrico” – Dr. Eng. Florestal, Murilo Barddal da Copel e Eng Florestal Mario Torres, Consultor da Copel 16:00 – Espaço para perguntas
16:10 – Jardim Botânico do Rio de Janeiro: 210 anos de existência e sua contribuição para a Botânica do Brasil e no Mundo – Dr. Vidal de Freitas Mansano 16:40 – Espaço para perguntas 17:10 – Encerramento – Antônio José Mattos do Amaral Junior – Gerente do Jardim Botânico de Londrina

Deixe uma resposta