GM é preso acusado de ter atirado na ex-mulher

do Portal Paiquerê

Um guarda municipal de Londrina foi preso na noite de sexta-feira (15). O mandado judicial foi cumprido com o auxílio da própria corporação que ele pertence. O GM é suspeito de ter atirado contra a ex-mulher, além de ter assaltado. O caso aconteceu no domingo do Dia das Mães, em dez de maio. A mulher chegava na casa dos pais, no jardim Santiago, zona oeste da cidade, quando foi abordada por um casal numa motocicleta. (leia mais)

One thought on “GM é preso acusado de ter atirado na ex-mulher

  • 16/05/2020, 22:45 em 22:45
    Permalink

    E se usou arma da corporação, é bastante provável que o município seja condenado a indenizar a vítima. Os londrinenses não queriam guarda municipal? Aguentem a rojão.

    Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: