IPTU e a fome dos prefeitos

Em Londrina a prefeitura quer reajustar a Planta de Valores que provocará aumento do IPTU pra maioria dos contribuintes. Já em Curitiba o prefeito Gustavo Fruet (PDT) encaminhou um projeto para a Câmara de Vereadores que também prevê aumentos sobre o IPTU acima da inflação. Já em 2015, o aumento 5% acima da inflação estimada para o ano, de 6,39%, totalizando 11,39% em 2014. Fruet quer ainda que novos reajustes de 4% por mais três anos. A previsão é que em 2017 esse valor já tenha ultrapassado os 20%. O aumento para terrenos sem edificações será de 8% em 2015 e em 7% em 2016 e 2017.

Um comentário em “IPTU e a fome dos prefeitos

  • 18/11/2014, 20:04 em 20:04
    Permalink

    O aumento que o prefeito Fruet pretende lascar nos curitibanos em 20 anos, o nosso facebuqueiro prefeito quer nos lascar de uma tacada só. Acho que vou me mandar pra Curitiba…

    Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: