Irmão de André Vargas é solto e publicitário teve prisão temporária convertida em preventiva

O irmão do ex-deputado André Vargas, Leon Vargas foi solto ontem. Ele havia sido preso quando foi desencadeada a  a 11ª fase da Operação Lava Jato na manhã da última sexta-feira. A operação investiga corrupção e desvio de contratos envolvendo a Petrobras, contrato de publicidade firmados entre a Caixa e outros órgãos do governo, com empresas relacionadas a outros políticos.

Ontem foram liberados da cadeia Ivan Mernon da Silva Torres, ex-funcionário do ex-deputado Pedro Corrêa (PP-PE), Elia Santos da Hora, secretária do ex-deputado federal Luiz Argôlo. Mesmo liberados eles terão que cumprir algumas exigências da Justiça. Os três estão proibidos de mudar de endereço sem autorização da Justiça, devem comparecer a todos os atos do processo e da investigação e estão proibidos de deixar o país. Especificamente para Leon Vargas, Moro o proibiu de manter contato com empresas investigadas na Lava Jato, como a Labogen e a Borghier Lowe e outros suspeitos ou denunciados em processos da operação.

Quem se seu mal foi o publicitário Ricardo Hoffmann que teve a prisão provisória convertida em prisão preventiva. Ou seja, vai demorar para sair.

 

Um comentário em “Irmão de André Vargas é solto e publicitário teve prisão temporária convertida em preventiva

  • 15/04/2015, 11:07 em 11:07
    Permalink

    O juiz Moro está indo longe nessa campanha de perseguição ao PT. Hoje é impossível o cidadão comum não perceber a forma autoritária e discriminatória como ele está encaminhando o processo da Lava Jato. Tivesse ele um mínimo de isenção, quando o Youssef citou as relações do senador Aécio com o Janene e mostrou o caminho para a investigação, a Bauruense, naquele momento o juiz deveria determinar a investigação nesse novo caminho. Pelo noticiário, o que me parece é que existe uma união silenciosa entre setores da justiça, setores do MP, o PSDB (com o silêncio de seu ministro do STF que não libera a votação da ação da OAB) e a mídia para impedir que o setor empresarial pare de financiar campanhas eleitorais do PT mas não as da oposição. O combate à corrupção é só conversa pra boi dormir…

    Resposta
  • 15/04/2015, 11:41 em 11:41
    Permalink

    Ta de brincadeira, C. Marques, com Dilma/Lula mandando no Governo, mandando no STF (colocando mais um ministro petista no STF), mandando em toda estrutura jurídica/legislativa do País/PF, se não pegaram os tucanos é porque não existe nenhuma prova. Mas fique tranquilo, o Vaccari foi preso na 12ª fase da Lava Jato, e há grande expectativa de que na 13ª fase da operação seja preso o chefão, justamente para coincidir com o 13 do PT.

    Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: